A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

26/04/2012 22:22

Caravana Siga Bem percorre país e chega a Campo Grande

Luciana Brazil
Caminhoneiro corta o cabelo aproveitando os serviços da Caravana. (Foto:João Garrigó)Caminhoneiro corta o cabelo aproveitando os serviços da Caravana. (Foto:João Garrigó)

Com diversas ações de responsabilidade social, a 6° edição da Caravana Siga Bem, uma iniciativa da Petrobras, chegou a Campo Grande na última segunda-feira (23). O projeto, que já esteve na Capital, desenvolve e incentiva ações sociais que levam conhecimento e informação aos caminhoneiros.

Até sábado (28) a caravana acontece no posto de gasolina Kátia Locatelli, na BR 163, saída para São Paulo.

São sete caminhões, cinco carretas e 30 profissionais trabalhando no projeto que vai, em seguida, para Itumbiara, Minas Gerais.

Palestras de cunho informativo, orientações da PRF (Polícia Rodoviária Federal), além das campanhas de combate à exploração sexual de crianças e adolescentes são algumas das ações que estão sendo realizadas no local. “Um caminhoneiro tem algumas necessidades básicas, entre elas é ser bem atendido. A caravana tem a missão de levar lazer, cultura, informação e fazer com que ele possa usufruir da estrutura”, ressaltou o diretor operacional do projeto, Luiz Peixoto.

Policias Rodoviários dão orientação aos caminhoneiros. (Foto:João Garrigó) Policias Rodoviários dão orientação aos caminhoneiros. (Foto:João Garrigó)

Na noite de quinta-feira (26) uma missa foi realizada para os caminhoneiros que pernoitavam no posto e para os que estavam apenas de passagem. “A gente está sempre viajando e quando a gente encontra uma opção de informação e lazer é muito bom”, lembrou Devair Chagas, caminhoneiro há mais de 10 anos.

Dentre os serviços prestados pela caravana, os caminhoneiros podem participar de um teste de conhecimento realizado no local. Os melhores resultados são selecionados e passam por outras fases de triagem. O vencedor ganha um caminhão no valor de R$300 mil. O segundo colocado ganha um carro e o terceiro uma moto.

“O objetivo é levar conhecimento, conscientização e diversão ao público. São palestras e serviços, como corte de cabelo, massagem, tudo para proporcionar opção ao caminhoneiro”, frisou o coordenador de responsabilidade social, Guto Hernandes.

Luiz Peixoto resslata a importância do trablaho junto com os caminhoneiros. (Foto:João Garrigó)Luiz Peixoto resslata a importância do trablaho junto com os caminhoneiros. (Foto:João Garrigó)

A caravana, que teve início neste mês, segue até setembro, percorrendo todas as regiões do país. Ao fim desta edição, serão 17 mil km rodados, passando por 18 estados, no total de 41 cidades. Mais de 1,3 milhões de pessoas já participaram da caravana nas seis edições.

As caravanas acontecem nos postos da rede Petrobras, onde a qualidade no atendimento é referência, segundo os organizadores do projeto. A maior ação social e promocional itinerante realizada na América Latina, a caravana tem patrocínio da Petrobras e da empresa Man Latin America.

Neste ano, o conceito do evento é o da sustentabilidade e meio ambiente, estando atrelado às novas tecnologias de motorização e combustíveis que reduzem a emissão de poluentes.

Disque 100: Durante a última edição, devido a uma forte campanha de conscientização, as denúncias cresceram vertiginosamente. Das 12 ligações diárias, o disque denúncia passou a receber 200 por dia. As ligações envolvem situação de risco contra crianças e adolescentes. O serviço de denúncia é da SDH (Secretaria de Direitos Humanos).



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions