A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 23 de Setembro de 2017

07/08/2017 08:48

Churrasqueiro reage a assalto, tem mão cortada e fere suspeito com canivete

Assaltantes fugiram do local e acionaram o Corpo de Bombeiros para socorrer comparsa que ficou ferido; Grupo alegou que homem teria sido atropelado

Yarima Mecchi e Guilherme Henri
Vítima ficou com o corte na mão. (Foto: André Bittar)Vítima ficou com o corte na mão. (Foto: André Bittar)

Um churrasqueiro, de 22 anos, teve a mão cortada com uma faca após reagir a um assalto na madrugada desta segunda-feira (7) em Campo Grande. Segundo a vítima, quatro homens estavam em um gol vermelho e o abordaram na Rua da Divisão. Um dos suspeitos desceu do veículo com uma faca a anunciou o assalto. O jovem tem um canivete para trabalho e reagiu ação dos suspeitos.

Conforme relatos da vítima, ele trabalha na Rua da Divisão e estava indo para casa quando foi abordado. "Um desceu do carro e veio em minha direção com a faca na mão. Eu tenho o canivete para abrir saco de carvão e reagi o assalto", explicou a vítima.

Ainda segundo a vítima, ele conseguiu atingir o suspeito com golpes de canivete nas costas. "Tinham três dentro do carro e começaram a gritar para ele voltar. Quando ele voltou eu sai correndo e acionei a PM", relatou o churrasqueiro. Ele foi encaminhado para a UPA (Unidade de Pronto Atendimento) do bairro Universitário.

Segundo registro policial, os possíveis autores fugiram do local e acionaram o Corpo de Bombeiros para socorrer o suspeito que ficou ferido durante o assalto. De acordo com a polícia, eles alegaram que Wesley dos Santos Machado Garcia, de 21 anos, tinha sido atropelado. Os socorristas suspeitaram da versão e acionaram a Polícia Militar.

Conforme Boletim de Ocorrência, o grupo estava em uma casa na Vila Carlota e foi reconhecido pela vítima. José Luiz Ojeda Bais, de 28 anos, Ricardo Lopes dos Anjos, de 27 anos, e Fábio Henrique do Prado Ribeiro, de 18 anos, foram presos e encaminhados para a Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) do bairro Piratininga. Wesley está sob custódia na UPA Universitário,ele teve ferimentos nas costas.

O caso foi registrado como roubo majorado pelo emprego de arma, na forma tentada, lesão corporal dolosa, roubo majorado pelo concurso de pessoas na forma tentada.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions