ACOMPANHE-NOS    
AGOSTO, QUINTA  13    CAMPO GRANDE 31º

Capital

Detento de 45 anos morre na Máxima enquanto aguardava transferência

Por Viviane Oliveira | 01/04/2016 08:24
O preso morreu na máxima, enquanto aguardava transferência. (Foto: Marcos Ermínio)
O preso morreu na máxima, enquanto aguardava transferência. (Foto: Marcos Ermínio)

O detento Sidnei Baptista Borges, 45 anos, morreu enquanto aguardava transferência para uma unidade de saúde por volta das 16h30 de ontem (31), no presídio de Segurança Máxima, na Rua Indianapólis, no Jardim Noroeste, em Campo Grande.

Conforme boletim de ocorrência, o agente da penitenciária informou que um interno estava precisando de transporte até uma unidade, porém, o preso estava em estado grave e morreu no pavilhão 4 - setor de saúde - antes de ser transferido.

Ainda conforme registro policial, o trabalho da perícia da Polícia Civil ficou prejudicado, porque o local, onde ocorreu a morte, não foi preservado. A vítima tinha histórico de doença grave, que não foi divulgada.

O caso foi registrado como morte a esclarecer. O corpo de Sidinei foi encaminhado ao Imol (Instituto Médico Odontológico Legal).