A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

19/09/2011 13:09

Dupla manda colchão com maconha para presidiário e acaba presa

Nadyenka Castro

Droga iria para preso do Instituto Penal de Campo Grande. Colchão era transportado por mototáxi

Juscimar: presidiário que receberia o colchão recheado com maconha. (Foto: Divulgação)Juscimar: presidiário que receberia o colchão recheado com maconha. (Foto: Divulgação)

Rosemar Barbosa Loredo, 40 anos, e Antônio Braúna, 49 anos, foram presos na tarde da última sexta-feira, em Campo Grande, por tráfico de drogas.

De acordo com a Denar (Delegacia Especializada de Repressão ao Narcotráfico), a dupla mandou entregar um colchão recheado de maconha a um presidiário e na casa de Rosemar foi encontrado mais um tablete do entorpecente.

A Denar foi informada que havia um mototáxi tentando entregar um colchão com 482g de maconha a um detento do Instituto Penal de Campo Grande.

Diante da situação, os policiais foram até o presídio e com as informações repassadas pelo trabalhador chegaram até a casa de Rosemar, no bairro Universitário.

No local foi apreendido um tablete de maconha que pesou 382g e Rosemar presa. Antônio foi preso em um posto de combustíveis, onde trabalhava no lava-jato. Conforme a Denar, foi ele quem pagou a corrida (R$ 30) do mototáxi até a unidade penal.

O colchão recheado com o entorpecente era destinado ao presidiário Juscimar Amorim Morel, 25 anos, preso pelos crimes de homicídio e tráfico de drogas.

Rosemar tem passagens pela Polícia por abandono material e tentativa de homicídio. Antônio não tinha ficha criminal.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions