ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
JULHO, SEGUNDA  15    CAMPO GRANDE 19º

Capital

Dia das Crianças tem várias ações em bairros da Capital

Neste 12 de outubro, foram feitas festas e brincadeiras, além de doação de brinquedos às crianças

Guilherme Correia | 12/10/2022 09:55
Crianças receberam doação de brinquedos na Vila Romana nesta manhã. (Foto: Direto das Ruas)
Crianças receberam doação de brinquedos na Vila Romana nesta manhã. (Foto: Direto das Ruas)

Nesta quarta-feira (12), ações promovidas por moradores de diferentes bairros fizeram este Dia das Crianças, em Campo Grande, uma data mais feliz para os jovens, que tiveram festas com música e comida, além de doações de brinquedos.

No Jardim Tijuca, moradores fizeram festa neste Dia das Crianças. (Foto: Direto das Ruas)
No Jardim Tijuca, moradores fizeram festa neste Dia das Crianças. (Foto: Direto das Ruas)

No Jardim Tijuca, festa promovida pela associação de moradores reuniu mais de 150 pessoas, em prol do dia comemorativo. A monitora de alunos Jaqueline Paixão de Almeida, de 34 anos, elogiou a presença da vizinhança. “É um grande prazer fazer parte desse evento para nossas crianças da nossa comunidade.”

Das 9h às 13h, na Vila Romana, ação organizada por moradores em frente a um campo de futebol entregou brinquedos e promoveu diversão de crianças do bairro. O motorista Jamil Arguelho, de 36 anos, comentou que é o segundo ano desta ação, que reuniu dezenas de pessoas e até carros de som.

"Uns amigos meus que são voluntários e ajudaram na mão de obra. Essa ideia surgiu desde o ano passado, quando a gente fez pela primeira vez. Foi promovida através da empresa onde trabalho, a Tomazelli, que fez a doação dos brinquedos neste ano.”

Fila de crianças e familiares para receber doações de brinquedos na Homex. (Foto: Direto das Ruas)
Fila de crianças e familiares para receber doações de brinquedos na Homex. (Foto: Direto das Ruas)

A partir das 9h, mais de 20 caminhoneiros, além de uma barbearia, levaram brinquedos a crianças na ocupação da Homex. O organizador Philipp Chaparro relata que tentaram fazer a ação anteriormente, mas a pandemia adiou a ideia. "Mesmo com pouco tempo e experiência, conseguimos arrecadar bastante brinquedos."

"A ideia surge do pessoal que é responsável por distribuição de material em Campo Grande, do grupo Caçamba. A intenção sempre foi de mostrar que a realidade de outras pessoas não é a mesma, que a gente pode fazer um pouco e ajudar. A gente viu no rosto das crianças a felicidade de ganhar um brinquedinho e com certeza vamos continuar fazendo e nos organizar ainda mais."

No último sábado, a Escola Cheiro de Alecrim fez ação realizada anualmente às 14h em comunidades da Capital, distribuindo 1,2 mil brinquedos.

No Jardim Ouro Preto, outra associação de moradores reuniu 300 crianças ontem (11), com distribuição de presentes, pipoca, doces, cachorro quente e um bolo de 50 quilos. Com músicas infantis, as crianças trocaram figurinhas do álbum da Copa do Mundo e brincaram. Foram colocadas cadeiras e mesas de festa no meio da rua, que ficou fechada. Músicas religiosas e apresentação do grupo Impacto Teen Dance também aconteceram.

Pais da escola Cheiro de Alecrim se uniram para entregar presentes. (Foto: Divulgação)
Pais da escola Cheiro de Alecrim se uniram para entregar presentes. (Foto: Divulgação)

Funcionário público e presidente da Associação do Jardim Ouro Preto, Marcio do Carmo Vieira Lima, de 47 anos, ressalta que a ação teve ajuda de integrantes do Instituto Jardim de Deus, membros da associação e 30 voluntários, além de Ana Maria Cabral, que coordenou a cozinha e outros apoiadores.

"Começou uma festa tímida, mas foi chegando mais gente. Foram entregues 360 distribuídos. Foi bem organizado para distribuir a todos."

Moradores fizeram bolo de 50 quilos e pipoca para as crianças no Jardim Ouro Preto. (Foto: Direto das Ruas)
Moradores fizeram bolo de 50 quilos e pipoca para as crianças no Jardim Ouro Preto. (Foto: Direto das Ruas)

O bolo foi feito pela dona de casa Cristina Nunes, de 41 anos,  e a filha Emily Nunes orientou o grupo de dança. O professor de história Anderson Sales fez o boneco "Tinho", que divertiu crianças e interagiu durante toda a ação, além do professor de literatura Arnaldo Leodegário.

Hoje, quarta-feira, o grupo estará no Distrito de Aguão dando continuidade ao projeto, que conta com ajuda da Energisa, Avenida Conveniência, Caçula Mercearia, Mercado Ouro Preto , ZK Conveniência e outros doadores.

"Nosso maior intuito é poder trazer aos corações das crianças um memorial de afeto, amor e esperança. Podendo através delas renovarmos nosso futuro com os melhores corações cheio de amor e carinho", finalizou Márcio.

Em rua fechada no Jardim Ouro Preto, até pula-pula foi montado para as crianças. (Foto: Direto das Ruas)
Em rua fechada no Jardim Ouro Preto, até pula-pula foi montado para as crianças. (Foto: Direto das Ruas)
Nos siga no Google Notícias