A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

19/02/2012 12:05

Família doa órgãos de rapaz que morreu na saída de Carnaval popular

Viviane Oliveira
Welington morreu e quatro pessoas ficaram feridas. (Fotos: João Garrigó)Welington morreu e quatro pessoas ficaram feridas. (Fotos: João Garrigó)

A família doou na manhã de hoje os órgãos de Welington de Jesus Silva, 20 anos, morto com um tiro no tórax quando saia de um baile popular na Fernando Correa da Costa, em Campo Grande, na madrugada deste domingo (19) por volta das 4h30.

Segundo informações da Santa Casa, Welington teve os órgãos doados pela família. Conforme o hospital, onde a vítima foi encaminhada, foram doadas as córneas do jovem.

Tiroteio - Um rapaz morreu e outros quatro jovens foram levados para Santa Casa depois de serem baleados quando esperavam ônibus na avenida Afonso Pena.

Anderson Francisco Barbosa, 23 anos, foi atingido com um tiro na coxa, Paulo Cesar Canteiro de Alcântara, 23 anos, com um tiro no pé direito, na coxa e na região genital, e dois adolescentes, uma de 17 anos grávida de cinco meses atingida por um tiro de raspão na testa e outro de 14 anos. Welington morreu a caminho do hospital.

De acordo com o delegado da Depac do centro (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) Divino Furtado Mendonça, Janerson Soares Ferreira dos Santos, 27 anos, e Jackson Almeida Larrea, 21 anos, confessaram que o crime foi para vingar a morte do amigo, Leonardo da Silva Oliveira, 24 anos, assassinado em janeiro do ano passado.

Brinquedos feitos por detentos são doados para crianças em escola
Parceria feita entre a a Semed (Secretaria Municipal de Educação) e a Agepen (Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário) garantiu ne...
Falta de pagamento faz prefeitura suspender hemogramas na rede pública
A falta de pagamento para um fornecedor de insumos fez com que a prefeitura de Campo Grande suspendesse a partir desta quarta-feira (13) a realização...


achoo um absurdo oque aconteceu mais não acho que deveria acabar com o carnaval de campo grande nossa cidade já não tem nada de bom ainda acabar com oque muitas gente vai para se divertir o evento que acontece na fernando correia não tem nada a ver oque acontece fora do evento não é por isso que devia acabar só acho que as pessoas devia ir para se divertir.
 
Caroline Dias em 24/02/2012 08:46:40
... E ninguém reparou na beleza do ato...
Que Deus ilumine a família que, mesmo em um momento de tanta dor, teve essa atitude.
E gente, numa boa, acho que baderna tem limite e tal, mas vocês QUEREM ACABAR COM TUDO que tenha a ver com alegria? Não pode mais nada, não? Nem carnaval?
Mudem o nome da cidade. De Campo Grande para Rancho Grande, uma cidade cuja mascote será o Zé. Zé Buscapé.
 
Madalena Sortioli em 20/02/2012 11:55:15
Não sou a favor do povo do funk/sertanejo das caminhonetes por conta do volume nem da desordem das conveniências, mas acabar com tudo é radicalismo.
 
Madalena Sortioli em 20/02/2012 01:38:41
Na boa ta na hora de acaba com o carnaval de rua de campo grande
tem que ser somente durante o dia,os campograndenses não saem pra se
divertir
e sim para brigar e matar.
Muda Gente,quem sai prejudicado é nós mesmos.
 
Franciele Griebel em 19/02/2012 10:47:21
Gostaria de alertar essa garota grávida que levou um tiro, pensem bem Deus lhe deu uma chance ti livrou de morrer mas tambêm ti pergunto o que você ta fazendo no carnaval no meio dessa multidão grávida pensa no seu fllho (filha) que vai nascer que futuro você quer pra ele ou (ela) você não sabe a dor que e perder um filho pense nisso.
 
Regina Souza em 19/02/2012 10:39:22
O I.P.T.U. que pago em valores absurdos que a Prefeitura cobra é pra isso.
Parem pra calcular o prejuizo, o custo de toda essa operação que poderia ser evitada.
É Samu, Policia, Bombeiro, Combustível gasto, Medicamentos, Sta Casa que faltam médicos, onde já tem muita gente esperando por atendimento há dias nos corredores do hospital.
 
Luciano Silgueiros em 19/02/2012 02:53:30
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions