A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

23/06/2011 08:40

Feriado religioso muda a rotina no centro de Campo Grande

Vanda Escalante

Ruas estão interditadas, com comércio parcialmente aberto e movimentação dos fiéis da Igreja Católica.

Manhã foi de preparativos e decoração da Rua 14 de Julho. (Foto: Simão Nogueira)Manhã foi de preparativos e decoração da Rua 14 de Julho. (Foto: Simão Nogueira)

Com ruas interditadas, poucos estabelecimentos abertos e movimento de católicos, o centro de Campo Grande vive uma rotina diferente nesta quinta-feira (23), feriado de Corpus Christi.

A Agetran (Agência Municipal de Transporte e Trânsito) vai manter interditadas até às 16h trecho da avenida Mato Grosso entre a Calógeras e a rua13 de maio, por onde vai passar a procissão de Corpus Christi.

Também está bloqueado o acesso à rua 14 de Julho, no trecho entre as avenidas Mato Grosso e Fernando Corrêa da Costa, com previsão de liberação após as 18h.

Já na avenida Fernando Corrêa da Costa, entre a rua 14 de julho e a avenida Calógeras, a interdição deve permanecer até às 23h.

No setor comercial, supermercados e os dois maiores shopping centers da Capital, além de alguns outros estabelecimentos, estarão abertos nesta quinta-feira. A abertura é facultativa e fica a critério de cada proprietário, mas todos estão autorizados a funcionar normalmente.

As lojas do Shopping Campo Grande abrirão das 14h às 20h, sendo que as portarias do espaço estarão abertas a partir das 14h para o acesso à praça de alimentação e ao cinema. No Shopping Norte Sul Plaza os setores de alimentação, lazer e a loja Etna funcionarão das 12 às 20h. As demais âncoras, das 13h às 20h, e outras lojas das 14 às 20h.

Celebração - A manhã foi de últimos preparativos para os católicos que participam da celebração de Corpus Christi. Reunidos ao longo da Rua 14 de Julho, os fiéis confeccionam o tradicional tapete para a procissão. Depois haverá missa solene e o “Show da Juventude”, anunciado como novidade para este ano.

Mais de 30 paróquias participam da celebração, cada uma responsável por um trecho ao longo da via, que deve ser decorado de acordo com a organização da comunidade.

Às 15h será realizada a missa, com adoração ao Santissímo, no cruzamento da Mato Grosso com a 14 de Julho. Logo depois da Missa, os fiéis saem para a tradicional procissão de Corpus Christi. O trajeto passa por todos os tapetes montados durante a manhã, até chegar a Avenida Fernando Corrêa da Costa, em frente ao Memorial da Cultura, para o encerramento.

A programação será encerrada com o Show da Juventude, na Praça do Rádio Clube. O evento está previsto para começar a partir das 18h30, após a procissão. Na programação estão bandas e cantores Católicos da Capital, como a Estação XV, Mazinho e Adriana, Fábio Augusto, Cláudia Nascimento e Padre Fábio Vieira.

Tradição - Para os Católicos, o dia de Corpus Christi (Corpo de Cristo) celebra solenemente o mistério da Eucaristia, sacramento que simboliza a transformação do pão e do vinho em corpo e sangue de Jesus Cristo.

A celebração foi incluída no calendário litúrgico da Igreja Católica em 1264, pelo papa Urbano IV, para dar destaque ao mistério da Eucaristia. A festa acontece sempre na quinta-feira, em alusão à Quinta-feira Santa, quando se deu a instituição do sacramento.

No Brasil, a tradição de enfeitar as ruas surgiu em Ouro Preto, por volta do ano de 1961. A procissão lembra a caminhada do povo de Deus, que é peregrino, em busca da Terra Prometida.

Durante a missa o celebrante consagra duas hóstias: uma é consumida e a outra, apresentada aos fiéis para adoração. Essa hóstia permanece no meio da comunidade, como sinal da presença de Cristo vivo no coração de sua Igreja.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions