A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

17/05/2013 16:38

Fiscais que fecharam Aquário também vistoriam outras grandes obras da cidade

Nadyenka Castro e Helton Verão
Aquário do Pantanal é construído no Parque das Nações Indígenas. (Foto: Marcos Ermínio)Aquário do Pantanal é construído no Parque das Nações Indígenas. (Foto: Marcos Ermínio)

Os fiscais do Ministério do Trabalho e do Emprego que fecharam a obra do Aquário do Pantanal nesta sexta-feira também fiscalizam outras grandes obras de Campo Grande.

De acordo com o Ministério do Trabalho e do Emprego,o Grupo Móvel de Fiscalização de Grandes Obras chegou na Capital na terça-feira e passou por canteiros de construção de unidades residenciais da MRV, Brookfield e Plaenge.

Nestes locais foram constatadas irregularidades, no entanto, só foi paralisado o serviço que não estava dentro das normas. Os demais continuaram normalmente. Apenas a construção do Aquário do Pantanal foi fechada.

A obra foi lançada em maio de 2011 e a previsão era que ficasse pronta em outubro de 2013. No entanto, ficou para 2014.

Conforme relatório de março deste ano do TCE/MS (Tribunal de Contas do Estado), que acompanha a execução do projeto, já foram concluídos 67% da parte física e gastos 43% do orçamento. O último documento disponível aponta investimentos de R$ 84.749.754,23. A obra é executada pela Egelte Engenharia.

Em seus 18 mil metros quadrados de área construída, equivalente a duas praças Belmar Fidalgo, o Aquário do Pantanal vai abrigar 24 tanques, que concentrarão 6,6 milhões de litros de água. Os números superlativos lhe conferem o status de maior aquário de água doce do mundo.



Esta chegando a hora da verdade.
 
ROBERTO CANDELARIA SAMANIEGO em 17/05/2013 17:30:17
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions