A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

18/03/2016 18:50

Grupo pró-PT tenta fechar Zahran e é contido pela cavalaria da PM

Waldemar Gonçalves e Viviane Oliveira
Cavalaria da PM fechando esquina da Rua Santana com a Avenida Zahran, ao lado da sede da TV Morena (Foto: Alan Nantes)Cavalaria da PM fechando esquina da Rua Santana com a Avenida Zahran, ao lado da sede da TV Morena (Foto: Alan Nantes)
Trecho da Rua Santana na esquina com a Avenida Zahran foi interditado para protesto em favor do PT, nesta sexta (Foto: Alan Nantes)Trecho da Rua Santana na esquina com a Avenida Zahran foi interditado para protesto em favor do PT, nesta sexta (Foto: Alan Nantes)

Manifestantes pró-Dilma tentaram, sem sucesso, bloquear a Avenida Eduardo Elias Zahran, na frente da TV Morena, mas foram contidos pela Cavalaria da Polícia Militar. Do carro de som, partem mensagens para que o protesto se concentre na área reservada, na Rua Santana, na entrada lateral da afiliada regional da Rede Globo.

A manifestação toma parcialmente duas áreas interditadas da rua para o protesto. O grupo que tentou fechar a Zahran empunhava bandeiras do PC do B.

Os policiais a cavalo, no entanto, conseguiram conter a tentativa. O trânsito é lento na avenida, uma das principais da cidade, mas flui nos dois sentidos.

O protesto, que reúne lideranças petistas, de partidos, sindicatos e movimentos sociais aliados, é oficialmente “em favor da democracia e contra o golpe”, como chamam eles o processo de impeachment da presidente da República, Dilma Rousseff (PT).

No carro de som, as mensagens são para manter o protesto de forma pacífica e evitar confrontos. “Não aceitem a provocação da parte deles”, disse alguém no microfone.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions