A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

11/05/2011 15:44

Homem e bebê de 9 meses são vítimas de atentado e vizinhos são suspeitos

Nadyenka Castro e Viviane Oliveira

Crime aconteceu em Campo Grande

Um dos disparos atingiu o portão da residência. (Foto: Viviane Oliveira)Um dos disparos atingiu o portão da residência. (Foto: Viviane Oliveira)

Um homem de 30 anos e um bebê de nove meses foram vítimas de um atentado por volta das 21 horas dessa terça-feira, na rua Barão de Grajaú, Jardim Novos Estados, em Campo Grande.

De acordo com o delegado Dimitri Erick Palermo, vizinhos são suspeitos da tentativa de homicídio. Estes não quiseram falar com a imprensa, mas, dois jovens que moram nas proximidades da casa da vítima dizem que ela é conhecida como “estranha e encrenqueira”.

O agente de saúde saía da casa, em seu Fiat Línea, com o bebê, filho de uma funcionária, e no momento em que o portão de elevação abria, ele viu um rapaz encapuzado com um revólver nas mãos, em frente ao local.

Assustado, o homem acelerou o carro para frente, retornando à garagem, mas, não impediu que tiros acertassem o veículo e o portão.

Ele se abaixou no carro, protegendo a si e ao bebê. Dois tiros atingiram o porta-malas, um o vidro traseiro e outro o portão. A vítima acredita que foram feitos seis disparos.

O homem contou à Polícia Civil que suspeita que o atentado tenha sido encomendado por três vizinhos, que são irmãos, e também que pode haver envolvimento da mãe deles, que já o ameaçou de morte.

Pessoas que moram próximas à casa do agente de saúde não quiseram falar com a reportagem do Campo Grande News. Apenas dois moradores, de 25 e 16 anos, conversaram com a equipe, mas, com medo de represálias, pediram para não serem identificadas.

Eles contam que o agente de saúde é dono de uma casa de massagem no centro, que mora há alguns anos no local, sendo que mudou-se de lá por um certo período e retornou no fim do ano passado com a residência já reformada.

Segundo estes moradores, o homem reclama frequentemente de som alto e sempre que há festas em casas vizinhas, “solta bombinhas” em via pública e aciona a Policia. Também, conforme eles, já correu atrás de um rapaz com duas facas nas mãos.

Um dos vizinhos suspeitos do crime já foi preso por porte ilegal de arma de fogo. Há registros na Polícia de desentendimentos comerciais sobre compra e venda de veículos envolvendo a vítima.

Promotoria e prefeitura firmam acordo para recuperar área de preservação
Foi celebrado entre o MPE (Ministério Público Estadual) e a prefeitura de Campo Grande acordo para recomposição da vegetação nativa da área de preser...
Concurso recebe inscrições para 83 vagas técnico-administrativas
Seguem abertas as inscrições para o concurso que oferece 83 vagas para técnico-administrativos em Educação na UFMS (Universidade Federal de Mato Gros...
Vice-governadora visita projeto em que detentos reformam escolas
O projeto "Pintando e Revitalizando a Educação com Liberdade", desenvolvido pelo Poder Judiciário estadual, foi conhecido e elogiado na sexta-feira (...
Crianças do Vespasiano Martins recebem Papai Noel e ganham presentes
As crianças do loteamento Vespasiano Martins, na periferia de Campo Grande, receberam a visita especial do Papai Noel neste sábado (16). Foram distri...


O problema e a tolerância zero.... e so morar em uma ilha que não tem barulho.... uma festa som alto tdo bem posso querer algum dia fazer uma tbm..... porem se for sempre ai sim cabe uma conversa com o vizinho numa boa...... agora vizinho chato, tem que meter bala mesmo....
 
Marcos Antonio em 12/05/2011 11:18:00
som alto,arruaça,vem aqui no aero rancho setor 5e6 dia de quarta feira na feira,e domingo então,.ta um verdadeiro bang bang,nem podemos reclamar,senão sobra pra gente.em questão a esse caso.nem pensaram no bebê que estava no carro.que absurdo.
 
ana luiza em 12/05/2011 10:43:07
Nossa esses vizinhos!!!
"chatos'' nunca estão errados sempre são eles os certos
vizinhos é para ajudar um ao outro não ficar em pé de guerra com outro
sem cada um se ajudar iram se tornar uma boa vizinhança!!!né???
 
suellen santos em 12/05/2011 10:01:52
Fala sério!!
parece que vc ta certo Ricardo salles!!
 
Ari Silva em 12/05/2011 09:58:22
Ana Clara Roves - Som acima do limite, desrespeitando normas ambientais seria uma ação apenas civil ou poderia ser uma ação criminal?

Consta no Código Penal, Das Contravenções Penais Referentes à Paz Pública, o seguinte:

Art.42 – Perturbação do trabalho ou do sossego alheios
I – com gritaria ou algazarra;
II – exercendo profissão incômoda ou ruidosa, em desacordo com as prescrições legais;
III – abusando de instrumentos sonoros ou sinais acústicos;
IV – provocando ou não procurando impedir barulho produzido por animal de que tem guarda:
Pena – prisão simples, de 15 (quinze) dias a 3 (três) meses, ou multa.

Ainda que não existisse uma Lei assim, ninguém tem o direito de atirar contra outra pessoa.
 
Roberto Munhoz em 12/05/2011 09:19:12
A polícia tem ficar ligada nesses dois bairros: Nha Nha e Jardim dos Estados. Estão sempre nos noticiários violentos. Também um é fornecedor de droga o outro é o consumidor.
Observem os carros que circulam na Nha Nha a noite e de madrugada.
 
Noé Pereira da Silva em 12/05/2011 09:08:50
Eu tenho esse problema perto da minha casa e chamo a policia mesmo ....que acaba com a festa na hora é só passar do horario permitido....eu aciono os caras ...vai encomodar lá na cadeia ....a gente trabalha o dia inteiro ai chega a noite ou no fim de semana para descansar vem esses bebuns fazer festinha em residencia .....faça me o favor né?
 
ROGERIO PAULO em 12/05/2011 08:59:00
O grande problema da sociedade é a falta de respeito com os direitos das pessoas. Existe a LEI DO SILÊNCIO. Quem não a conhece faça o favor de ler. Vizinhos e povão podem fazer barulho dentro dos limites dos decibéís permitidos ( acho que máximo de 70), e dentro dos horários permitidos: 06 às 22hs. Se o cara tem ou não casa de massagem, ou de outras coisas, um carro de marca Línea, ou um fusca, se é agente de sei lá o quê o problema é dele. No Brasil hoje todo mundo quer ter um padrão de vida melhor, mesmo que pra isso cometam erros. Ninguem é obrigado a ficar ouvindo de sua casa alguns tipos de músicas. O segredo é RESPEITO!!!!!!!
 
Cleidiane mendes em 12/05/2011 08:57:04
ô meu povo, agora num é porque não temos o vizinho que achamos que merecemos que vamos começar a matar uns aos outros, falta Deus no coração do povo!!!!e cada um cuidar de sua santa vida...
 
ewerton_curitiba em 12/05/2011 08:03:04
me admira as pessoas terem coragem de atirar em uma pessoa que estava com um bebe. isso la e modo de resolver as coisas. isso sim e lamentavel.
 
silvana meira simao em 12/05/2011 07:51:06
Engraçado, o errado é o vizinho que quer sossego na sua casa e não os banderneiros? Os valores estão invertidos mesmo.
 
Andrea Chaves em 12/05/2011 07:33:33
Joana Paula, eu não concordo com você, todo mundo fica incomodado quando tem som alto em uma festa e não respeitão.
 
Giovani Augusto em 11/05/2011 10:33:27
Então né vcs discultem a respeito de quem ta certo ou tá errado e esqueceram da criança... já pensou se tivessem acertado essa criança... que culpa ela tem...
 
Mariana Lopes em 11/05/2011 09:41:31
vizinhos barulhentos temos em todo lugar, quem quiser ouvir umas boas batucadas todos os dias é só vir ao residencial centenário I, o som é diário e ''ai'' de nós se reclamarmos.
 
pedro cabanhas em 11/05/2011 08:30:22
No estrela dalva é pior ainda, tem uns vagabundos que não tem o que fazer e ficam com o som ligado até altas horas da madrugada, não adianta chamar a policia que eles não vem, alias na casa de policial mesmo tem som alto, mas vai fazer um barulho na sua casa que eles ja vem reclamar.
 
Paulo Gonçalves em 11/05/2011 07:43:49
Agente de saúde andando de Linea?! A casa de massagem deve ta rendendo bem...
 
Ricardo Sales em 11/05/2011 07:08:10
Sem comentários para esse acontecimento , o que esse bebê tem haver com isso ???? pq colocar em risco a vida dessa criança ? e de direito desse homem querer estar em casa sem ter que ouvir músicas que não de seu gosto... sem palavras pq não há o que comentar sobre esse absurdo.
 
Dalyse Fernanda em 11/05/2011 06:59:04
Ninguem merece chegar em casa e ta rolando uma festa daquelas , devemos sempre respeitar o próximo e não incomodar ninguem para não sermos incomodados . A questão é tentativa de homicidio meu Deus!!!!!
 
Gloria Santos em 11/05/2011 06:47:38
O legal é ser cafetão!!!
 
Ricardo Moraes em 11/05/2011 06:34:48
ORa, fazer festa com som alta pelo menos não é crime, mas manter "casa de massagem "?!?!? Rufianismo e exploração da prostituição alheia! Além de tudo sendo funcionário público??? E ainda arruma nego pra defendê-lo!
Mas o mundo tá perdido mesmo....
 
Ana Clara Roves em 11/05/2011 05:57:11
Mais uma notícia "Made in Novos Estados"...
Não sei o que é pior... o bairro que moro somente com notícias ruins ou falta de emprego na região.
 
Antônio Marcos Alencar em 11/05/2011 04:21:25
Engraçado... errado não é quem faz a festa com baderna e som alto, mas sim o vizinho "chato" e "encreiqueiro" que reclama e chama a polícia. Fala sério!!!
 
Joana Paula em 11/05/2011 04:13:02
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions