A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 21 de Setembro de 2018

11/12/2017 12:57

Homem joga gasolina e ateia fogo no rosto de esposa enquanto ela dormia

Vítima é irmã de Wesner Moreira da Silva, 17 anos, que morreu após ser agredido em um lava-jato no início deste ano

Guilherme Henri e Viviane Oliveira
Adriele de Fátima Soares Silva, 27 anos, e o marido Gilson Ferreira da Silva, 33 anos (Foto: Arquivo Pessoal)Adriele de Fátima Soares Silva, 27 anos, e o marido Gilson Ferreira da Silva, 33 anos (Foto: Arquivo Pessoal)

Uma mulher de 27 anos ficou com o rosto desfigurado depois que o próprio marido jogou gasolina e ateou fogo enquanto ela dormia. O caso aconteceu na madrugada de ontem (10), na residência do casal, no bairro Ramez Tebet, em Campo Grande. A vítima é irmã de Wesner Moreira da Silva, 17 anos, que morreu após ser agredido em um lava-jato no início deste ano.

A vítima foi identificada como Adriele de Fátima Soares Silva, 27 anos, e o marido como Gilson Ferreira da Silva, 33 anos.

Ao Campo Grande News, o pai da mulher, Valdeci Soares Silva, 61 anos, contou que o casal tinha brigado e Gilson esperou que a vítima dormisse para atear fogo nela. “Ela acabou bebendo um pouco da gasolina e além das queimaduras externas também sofreu queimaduras internas”, detalha.

Segundo ele, Adriele saiu na rua pedindo socorro e pode ter sido ajudada por vizinhos. “Não sabemos quem a socorreu apenas que ela foi levada para o UPA (Unidade de Pronto Atendimento Comunitário) do Universitário e de lá transferida para a Santa Casa”, disse.

A vítima teve 25% do corpo queimado e está em estado grave na unidade de saúde. “Ela está irreconhecível”, afirma.

O suspeito segue foragido e o caso foi registrado na Deam (Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher).

Wesner –  Valdeci revelou que também é pai de Wesner Moreira da Silva, que morreu após ser agredido em um lava-jato da Capital em fevereiro deste ano. “Já estávamos passando uma barra pelo que aconteceu com meu filho e agora aconteceu isso. Quero que encontrem esse vagabundo para que ele pague pelo que fez com minha filha”.

*Matéria editada às 14h10 para acréscimo de foto a pedido da família.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions