A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

23/08/2012 10:34

Inmet registra em Campo Grande menor umidade do País nesta quinta

Fabiano Arruda
Umidade relativa do ar deve cair a 23% nesta quinta, diz meteorologista. (Foto: Minamar Junior)Umidade relativa do ar deve cair a 23% nesta quinta, diz meteorologista. (Foto: Minamar Junior)

Sem chuva e com a temperatura em alta, Campo Grande registra hoje a umidade relativa do ar mais baixa do País, segundo a medição do Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia), na estação do Aeroporto Internacional.

Conforme a medição, a cidade abriu a quinta-feira com umidade de 24%, a mais baixa do País.

Os índices continuam em queda e podem chegar a 23% durante o dia, depois de ter batido a casa dos 16% ontem.

Em Campo Grande, neste momento, a umidade é de 34%, informa o meteorologista da Anhanguera/Uniderp, Natálio Abrahão.

O meteorologista destaca que o índice desta manhã é melhor que o de ontem, quando, neste momento, era de 28%.

Em todo Estado, conforme informações da Defesa Civil, a umidade relativa do ar fica abaixo dos 30% nesta quinta-feira.

O tempo seco é registrado de forma mais severa na região Norte em municípios como Sonora, Pedro Gomes, Alcinópolis e Coxim. “São locais que registram valores repetidamente baixos entre 15 e 20%. Estamos numa situação muito crítica”, comenta Abrahão.

Níveis - Pelos padrões da Organização Mundial da Saúde o registro de baixa umidade do ar entre 12% a 20% é considerado de alerta e, inferior a 12%, alerta máximo.

A recomendação de especialistas no período de estiagem é que a população beba bastante água para evitar problemas de desidratação. Além disso, evitar a prática de atividades físicas no período das 10 às 16 horas.

Em casa, a dica é umedecer o ambiente com umidificadores de ar, utilizar toalhas molhadas nos cômodos e recipientes com água.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions