A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

13/10/2011 19:15

Jovem que matou no Santo Eugênio vai responder inquérito em liberdade

Viviane Oliveira
Flávio se apresentou esta tarde. (Foto: Pedro Peralta)Flávio se apresentou esta tarde. (Foto: Pedro Peralta)

Flávio da Silva Bogado Mendes, 20 anos, que matou Maurício Costa de Oliveira, 22 anos, no último sábado (8), em um bar localizado na rua Bismarque no bairro Santo Eugênio, vai responder o inquérito em liberdade. Ele foi ouvido na tarde de hoje (13) e liberado da Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) do bairro Piratininga.

De acordo com o delegado de Polícia Jairo Carlos Mendes, Flávio deve ser indiciado por homicídio qualificado por dificultar a defesa da vítima. Conforme o advogado de Flávio, Marcos Ivan Silva, ele foi liberado por ser réu primário, ter trabalho e residência fixa.

O Delegado deverá ouvir ainda nos próximos dias, o dono do bar, a ex-esposa de Flávio, Débora Ferreira da Silva Santana, 18 anos, e outras testemunhas. O prazo para terminar o inquérito é de 30 dias.

Depoimento - Flávio contou para a Polícia, que encontrou a vítima no bar por coincidência e foi tirar satisfação. Os dois começaram a discutir, quando Maurício levou a mão nas costas e Flávio atirou por que achou que ele estava armado.

Ele disse que reatou o casamento com Débora, e Maurício inconformado passou a ameaçá-lo por telefone. Flávio então comprou um revólver e começou a andar armado por causa das ameaças.

Na versão de Débora à Polícia, ela e Flávio estavam separados há três meses e ele não aceitava a condição. Ao saber que ela já estava em uma nova relação, ficou transtornando e quis saber quem era.

Segundo ela, armado com um revólver, Flávio a obrigou subir na garupa da moto conduzida por ele até o bairro Santo Eugênio, onde encontrou Maurício tomando cerveja na calçada do bar.

Ao passarem várias vezes em frente ao estabelecimento, ela apontou Mauricio como o seu namorado. Flávio parou a moto próximo da mesa que estava a vítima e disparou vários tiros.

De acordo com advogado de Flávio, Marcos Ivan, o relato de Débora à Polícia não é a verdade e por isso ele irá solicitar acareação entre seu cliente e a testemunha. A arma do crime também foi apresentada na tarde de hoje.

Jovem fica com ciúmes de ex-mulher e mata rapaz no bairro Santo Eugênio
A vítima foi morta com vários tiros em frente a um bar na rua Bismarque Mauricio Costa de Oliveira, 22 anos, foi morto com vários tiros em um bar lo...
Promotoria e prefeitura firmam acordo para recuperar área de preservação
Foi celebrado entre o MPE (Ministério Público Estadual) e a prefeitura de Campo Grande acordo para recomposição da vegetação nativa da área de preser...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions