A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

19/02/2014 18:30

Juiz proíbe mulher de ligar ou se aproximar de ex-marido na Capital

Alan Diógenes

A Justiça de Mato Grosso do Sul acatou o pedido de um homem que solicitou que sua ex-companheira fique impedida de ligar, mandar e-mail ou se aproxime dele de forma desrespeitosa e agressiva. A mulher pode pagar R$ 1 mil se desrespeitar a ordem da Justiça.

O homem identificado por A.P.T. teve um relacionamento afetivo cerca de sete anos com a mulher. Após o rompimento, ela insistia em ligar ou mandar mensagem ofendendo o ex-companheiro.

O juiz em substituição da 3ª Vara Cível de Campo Grande, José Rubens Senefonte, comprovou lesão e ameaça aos direitos de personalidade do homem.

Já a mulher identificada por W.L. de A. só poderá estabelecer contato com seu ex-companheiro apenas para tratar de assuntos de interesse do filho do casal.

Tribunal de Justiça reduz honorários de R$ 72,7 milhões para 1 milhão
A 4ª Seção Cível do TJMS (Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul) acatou pedido do Banco do Brasil e reduziu o valor dos honorários de R$ 72,7 mil...
Justiça absolve dois acusados de homicídio no Itamaracá
Por falta de provas, a 2ª Vara do Tribunal do Júri de Campo Grande absolveu Francisco Martinez, 44 anos, e Renildo da Silva Paixão, 35, da acusação d...
Justiça determina que prefeitura garanta mais vagas em creche para crianças
A prefeitura de Ribas do Rio Pardo, a 103 quilômetros de Campo Grande, terá que garantir vagas em creche para crianças de zero a seis anos. A decisão...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions