A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

27/08/2014 17:15

Justiça decreta prisão de acusado de cárcere; ele alegará que tem 5 filhos

Filipe Prado
O acusado se apresentou à polícia no dia 22 e afirmou ser inocente (Foto: Marcelo Calazans)O acusado se apresentou à polícia no dia 22 e afirmou ser inocente (Foto: Marcelo Calazans)

A advogada do jardineiro Dirceu Benites, 40 anos, Rosana Tognini, afirmou que a Justiça decretou a prisão preventiva do acusado de manter uma adolescente de 17 anos em cárcere privado. Rosana explicou que o mandado ainda não foi expedido pelo cartório.

A Justiça, conforme a advogada, analisou o pedido de prisão do delegado da Depca (Delegacia Especializada Proteção à Criança e ao Adolescente), Paulo Sérgio Lauretto, e emitiu o decreto na sexta-feira (22).

Por conta do feriado do aniversário de Campo Grande, Rosana alegou que o mandado ainda não foi expedido, por isso Dirceu ainda não é considerado foragido da justiça. “Houve a ordem, mas ainda não houve a execução da mesma”, constatou.

Com isso, Rosana já pediu a revogação do mandado, por que ele “é réu primário, tem bons antecedentes e cinco filhos para criar. Não há nada que fundamente a prisão dele”.

A revogação exclui o mandado de prisão e “pode determinar outras medidas cautelares, como a medida protetiva”, explicou a advogada do acusado.

O Campo Grande News entrou em contato com o delegado da DEPCA, mas as ligações não foram antedidas. A secretária da delegacia informou que o delegado não estaria antendendo a imprensa.

Caso - No começo da semana a jovem conseguiu sair de casa porque sentia dores e foi até o posto de saúde do bairro Guanandi, acompanhada de Dirceu. Depois da consulta, a jovem escreveu o pedido de socorro no verso da receita médica e entregou em uma farmácia.

Policiais militares, chamados pela farmacêutica, foram até o estabelecimento e depois até o posto desaúde, onde encontraram o endereço de Dirceu. Em depoimento à Polícia Civil, a adolescente disse que conheceu Dirceu há um ano por meio de uma amiga. Na época, o homem apresentou um nome falso e não disse que era casado. Logo no início do relacionamento, a menina saiu de casa.

Relatos da menina dão conta que Dirceu levou a amante para morar na casa da própria mãe, no entanto a esposa dele descobriu a traição. O homem decidiu então levar a jovem para uma edícula, que foi alugada no bairro Guanandi. A adolescente morava sozinha no espaço que só tinha uma porta e era trancada por Dirceu toda vez que ele ia embora. Em março desse ano um bebê nasceu da relação e vivia com a adolescente.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions