A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

15/07/2015 22:58

Justiça nega recurso e retira benefício de preso flagrado com celular

Thiago de Souza

A 3º Câmara Criminal do Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul negou recurso pedido pelo detento Pedro Gabriel da Silva, pedindo a suspensão do adiamento da data de progressão de regime do condenado. O recurso pretendia também impedir a perda de 1/3 do tempo de remissão de pena conquistado pelo trabalho no presídio.

O caso se deu em maio de 2012, quando, em vistoria de rotina, os carcereiros do presídio encontraram um telefone celular, cujo detento havia escondido na cueca. Ao ser descoberto, Silva, que cumpria pena de seis anos e oito meses,  jogou o aparelho no chão com o objetivo de danificar o telefone e impedir rastreamento das ligações e contatos que realizava.

O relator do processo, Desembargador Francisco Gerardo de Souza, justificou a decisão de reduzir benefícios do reeducando, dizendo que o aparelho telefônico estava de posse do apenado, o que constitui falta grave, de acordo com a Lei 11.466/2007.

Detento é flagrado serrando grades de cela e confessa tentativa de fuga
Um detento do Presídio de Segurança Máxima Jair Ferreira de Carvalho, no Jardim Noroeste, na saída para Três Lagoas, tentou fugir durante a tarde de ...
EMHA suspende atendimento ao público para capacitação de funcionários
O atendimento ao público será suspenso nesta sexta-feira (15) na EMHA (Agência Municipal de Habitação). Segundo a assessoria de comunicação da prefei...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions