A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 23 de Janeiro de 2018

17/03/2012 10:40

Ladrão é agredido ao tentar roubar motocicleta no Jardim Colibri

Nadyenka Castro e Paula Vitorino

Edson Cesar Salinas, 31 anos, havia sido solto em 26 de janeiro por furto qualificado

Edson Salinas ficou com escoriações pelo corpo ao ser agredido quando tentava roubar uma moto. (Foto: Marlon Ganassin)Edson Salinas ficou com escoriações pelo corpo ao ser agredido quando tentava roubar uma moto. (Foto: Marlon Ganassin)

Ao tentar roubar uma motocicleta na madrugada deste sábado, no Jardim Colibri, em Campo Grande, Edson Cesar Salinas, 31 anos, acabou agredido e preso.

A vítima, Michel da Silva, 19 anos, estava com a namorada em uma lanchonete localizada na esquina das ruas Conde de Pinhal com Guaicurus quando Edson se aproximou e pediu emprestado o celular do rapaz.

Em seguida, o ladrão colocou a mão na cintura mencionando estar armado, anunciou o roubo e pegou a chave da moto de Michel, um Honda Fan.

Ao chegar na motocicleta, o ladrão foi agredido pela vítima e outras pessoas que estavam no local. A PM (Polícia Militar) foi acionada e ele acabou preso. Michel também ficou ferido.

De acordo com a Polícia Civil, Edson já tem passagens pela Polícia, sendo a última em janeiro deste ano por furto qualificado. Ele foi preso no dia 4 e solto 22 dias depois.

Em noite violenta, ladrão atira e atinge vítima com dois disparos
A noite foi violenta nesta segunda-feira (22) na região sudoeste de Campo Grande. O terceiro crime de maior gravidade aconteceu em um assalto, em que...
Mulher é morta a facadas e ex-marido é o principal suspeito do crime
Foi morta a facadas na noite desta segunda-feira (22) uma mulher que estava na rua Internacional, no Jardim São Conrado - localizado na região sudoes...
Homem é baleado com dois tiros na barriga; autor fugiu em moto
Um homem foi baleado na região do abdômen na noite desta segunda-feira (22), na rua Cachoeira do Campo, próximo a entrada do bairro Portal Caiobá - r...


Os nossos congrecistas estão dormindo, enquanto eles dormem a sociedade fica a mercê dos bandidos,um crime de furto qualificado estar livre 22 dias depois é um absurdo. Só os parlamentares que tem a procuração do eleitor podem mudar esta regra, criando leis com penas mais severa e cumprimento mais rigidos e c/ menos atenuantes.Acordem Srs. parlamentares antes que seja tarde demais.
 
porfirio v ilela em 18/03/2012 07:41:28
Quer ver que vão dizer que ele é coitadinho!!!
 
Luiz Alves em 17/03/2012 06:21:57
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions