A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 22 de Setembro de 2018

12/05/2018 11:11

Ladrões agiram como “profissionais” em roubo com morte, avalia polícia

Na fuga, um dos assaltantes trocou tiros com os policiais foi baleado e morreu no hospital

Danielle Valentim
Capitão Rocha ressaltou que a equipe do Choque foi acionada para dar apoio, enquanto trabalhava na segunda fase da “Operação Tiradentes”. (Foto: Danielle Valentim)Capitão Rocha ressaltou que a equipe do Choque foi acionada para dar apoio, enquanto trabalhava na segunda fase da “Operação Tiradentes”. (Foto: Danielle Valentim)

“Eles agiram de forma muita tranquila e profissional”, declarou o capitão Rigoberto Rocha, do Batalhão de Choque da PM, sobre ação de assaltantes em uma sobaria do Bairro Taquarussu, na noite desta sexta-feira (11). A dupla chegou a fechar o estabelecimento, para não levantar suspeitas. Na fuga, apenas um dos criminosos estava no veículo e foi morto após troca de tiros com os policiais.

Em entrevista ao Campo Grande News, o capitão informou que a equipe do Choque foi acionada para dar apoio nas buscas pelos assaltantes, enquanto trabalhava na segunda fase da “Operação Tiradentes” - iniciada em abril, em homenagem ao ao dia do patrono das Polícias Militares -, em todo o Mato Grosso do Sul .

“A equipe trabalhava na operação Tiradentes quando foi acionada para dar o apoio. A perseguição começou logo na saída para Sidrolândia quando o condutor desobedeceu a todas as ordens de parada”, pontuou.

Ainda segundo o oficial, na ação, os bandidos agiram como “profissionais” para não levantarem suspeitas. No entanto, o veículo S-10 pode ter sido repassado para outros comparsas.

“Logo na chegada, eles fecharam o estabelecimento de forma muita tranquila, fizeram um “limpa” nos pertences dos clientes, acharam a chave do veículo e na fuga ainda deixaram o local fechado. O comparsa fugiu, pois eles chegaram juntos no comércio em uma motocicleta. E também não sabemos se o suspeito morto no conflito é o mesmo assaltante da sobaria, ele pode ter assumido a direção depois”, disse.

Perseguição - Logo na primeira curva da rodovia, o assaltante disparou contra a viatura e os policiais revidaram. O condutor perdeu o controle saiu da pista e colidiu contra uma árvore.

A equipe, então, se aproximou do veículo, mas o motorista desceu atirando e em nova troca de tiros acabou baleado. O suspeito que estava sem documentos chegou a ser socorrido ao Hospital Regional, mas morreu durante atendimento.

Com o suspeito a polícia apreendeu uma pistola Taurus 940 calibre .40 com brasão da Polícia Civil de Mato Grosso, com um carregador e três munições calibre .40.

A Operação Tiradentes começou às 00h de ontem, sexta-feira (11) com bloqueios, abordagens, buscas por foragidos da justiça e rondas em pontos críticos das cidades do Estado e encerra às 16 horas de hoje, sábado (12).

Outros casos - Há dois meses, dois assaltantes, de 15 e 18 anos, morreram em confronto com policiais do Batalhão de Choque. A ação envolveu helicópteros e cães farejadores na divisa dos bairros São Conrado e Tijuca, em Campo Grande. O Choque apoiava uma ação do 1º Batalhão de Polícia Militar, que atua na região sul da cidade.



Obrigado policiais...
 
Elenito Ferreira em 13/05/2018 00:01:09
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions