ACOMPANHE-NOS    
JULHO, DOMINGO  05    CAMPO GRANDE 30º

Capital

Líder do PCC em MS é preso com pasta base de cocaína na Capital

Por Antonio Marques | 22/04/2016 17:58
"Tio Arantes", membro do PCC é preso novamente com droga no Bairro Zé Pereira (Foto: Divulgação/PM)
"Tio Arantes", membro do PCC é preso novamente com droga no Bairro Zé Pereira (Foto: Divulgação/PM)
Drogas, celulares e revólver apreendidos com o ex-lider do PCC, "Tio Arantes", (Foto: Divulgação/PM)
Drogas, celulares e revólver apreendidos com o ex-lider do PCC, "Tio Arantes", (Foto: Divulgação/PM)

Policiais do 1º BPM (Batalhão da Polícia Militar) prenderam agora há pouco José Cláudio Arantes, o “Tio Arantes”, líder do PCC em Mato Grosso do Sul. Com ele foram apreendidos cerca de três quilos de cocaína, uma arma de fogo e celulares.

Ele foi preso no bairro Zé Pereira, dentro de um barracão nos fundos da Agraer (Agência de Desenvolvimento Agrário e Extensão Rural). Tio Arantes foi encaminhado pelos policiais para a Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) do Centro para registro do boletim de ocorrência.

Além dele, outros cinco traficantes foram presos. Dois carros - um Chevrolet Astra e um Pegeout preto - foram apreendidos com eles. Vários tabletes de pasta base foram encontrados, até o fechamento da matéria, estavam sendo contabilizados.

Currículo – "Tio Arantes" está entre os 12 acusados da morte do advogado William Maksoud, que teria sido obra da facção criminosa, mas não chegou a ir a julgamento.

O "currículo" de Tio Arantes inclui, ainda, uma suposta ligação com o traficante Luiz Fernando Correa da Costa, o Fernadinho Beira-Mar. O advogado de Beira-Mar é o mesmo de José Cláudio. Ele cumpria pena por tráfico, por assalto e homicídio.

Tio Arantes também foi alvo de uma operação do Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado). Na ocasião, oito pessoas foram presas. Drogas e armas comercializadas pela facção tinham como destino os estados do Rio de Janeiro, São Paulo, Minas Gerais e Goiás.

*matéria editada às 19h30 para atualização de informações