A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 24 de Junho de 2017

17/11/2016 11:20

Mãe e suspeito de maus-tratos têm histórico problemático, dizem vizinhos

Guilherme Henri e Julia Kaifanny
Residencial em que homem de 32 anos e sua mãe moram, na Vila Planalto (Foto: Marina Pacheco)Residencial em que homem de 32 anos e sua mãe moram, na Vila Planalto (Foto: Marina Pacheco)

Suspeito de maus-tratos e sua mãe de 61 anos já haviam passado por problemas há cerca de um mês, afirmam vizinhos. O homem de 32 anos seria esquizofrênico e usuário de drogas enquanto sua mãe, a vítima dos maus-tratos teria tentado tirar a própria vida tomando antidepressivos.

O homem foi detido ontem (16) depois de moradores de seu prédio, localizado na Vila Planalto, na Capital chamarem a polícia afirmando que ele estuprava sua própria mãe. Na delegacia, a suspeita não foi confirmada, mas ele será investigado por maus-tratos, pois a idosa estava dopada e em condições precárias.

De acordo com uma moradora do prédio, que terá a identidade preservada, mesmo com o quadro de esquizofrenia, o homem aparentava ser muito tranquilo e nunca causou transtornos no prédio. “As vezes ele sai de carro e sua mãe também. Não tínhamos notado nada incomum até a idosa ter tentado se matar”, relata a moradora.

Inicialmente caso era tratado como estupro e foi atendido na Casa da Mulher Brasileira (Foto: Marina Pacheco)Inicialmente caso era tratado como estupro e foi atendido na Casa da Mulher Brasileira (Foto: Marina Pacheco)

Opinião que foi compartilhada por outra vizinha, que mora no local há 9 anos e detalhou que o rapaz já chegou a ficar internado depois que teve uma crise. “Depois que a mãe foi hospitalizada por tentar suicídio ele sofreu uma crise esquizofrênica e também foi internado. Porém, quando teve alta sua mãe o retirou da clínica em que estava se tratando”, disse a moradora.

O Campo Grande News foi até o apartamento da família, porém o suspeito não estava.

Caso – De acordo com informações da Polícia Militar, moradores ligaram para a polícia depois de notar que a idosa estava há dois dias em uma cama. Pela janela da casa, eles afirmaram que viram o momento em que o homem estava sob a idosa e ela gritava.

No local, os policiais encontraram a vítima inconsciente, debilitada e no meio de fezes. Ela foi encaminhada a uma unidade de saúde onde no primeiro atendimento foi levantada a possibilidade de ter sido estuprada, porém quando passou por uma avaliação o médico teria encontrado apenas assaduras em suas partes íntimas.

Na delegacia nenhuma testemunha confirmou a história e disseram apenas que a mulher estava desacordada.

A idosa continua internada no UPA Leblon. Já seu filho foi ouvido e liberado.

Homem é preso suspeito de estuprar a própria mãe de 61 anos na Vila Planalto
Homem de 32 anos foi preso na noite ontem (16) suspeito de estuprar a própria mãe, uma idosa de 61 anos, em uma residência localizada na avenida Tama...
Homem invade casa e esfaqueia mulher após dizer que é policial
Uma mulher de 59 anos foi atingida por vários golpes de faca na madrugada deste sábado (24), na Rua Senador Vergueiro, Jardim Noroeste, em Campo Gran...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions