A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

05/10/2016 10:38

'Meu filho nem veio trabalhar hoje', diz pai de agressor sobre ameaças

Viviane Oliveira e Júlia Kaifanny
Nas imagens, Jhonny aparece chutando o rosto do rapaz. (Foto: reprodução/vídeo) Nas imagens, Jhonny aparece chutando o rosto do rapaz. (Foto: reprodução/vídeo)

O pai de Jhonny Celestino Holsback Belluzzo, 19 anos, rapaz que aparece em vídeo espancando outro jovem na Vila Jacy, disse que após a divulgação das imagens o filho já recebeu várias ameaças, está com medo de sair de casa e nem foi trabalhar hoje.

Conforme o comerciante, dono de um mercado no Tijuca e que pediu para não ter o nome divulgado, a família desaprova o comportamento do jovem, mas diz que o caso foi uma briga de adolescentes e só teve toda essa repercussão, porque uma pessoa com 'espírito de porco' gravou no celular e divulgou as imagens.

“Meu filho trabalha aqui comigo, faz faculdade e nunca se envolveu nesse tipo de confusão. Minha esposa não conseguiu dormir à noite, preocupada com o que pode acontecer”, lamenta. Ele afirma que Jhonny prometeu mudar a postura em relação ao comportamento.

O comerciante relatou ainda que o filho já foi à casa do rapaz, pediu desculpas e os dois se entenderam. “Como forma de arrependimento, meu filho até comprou um celular e entregou para a vítima. Na briga, o rapaz acabou perdendo o aparelho”, diz.

No dia da pancadaria que quase acabou com a morte do garoto de 18 anos, Jhonny contou para o pai que estava na mesma festa que o rapaz mas não o conhecia. Quando foi pegar o carro para ir embora, a vitima estava urinando na lataria do veículo.

Jhonny, então, foi tirar satisfação e o menino teria mostrado o pênis e dito que se ele reclamasse urinaria mais. “Os dois estavam bêbados. Eles iniciaram uma discussão que infelizmente acabou na briga. Agora, meu filho vai responder pelo crime que cometeu”, lamenta.

Selvageria - O ataque aconteceu no dia 18 de setembro, foi registrado pela polícia seis dias depois, mas só nesta terça-feira o delegado Fabiano Nagata, da 1ª DP (Delegacia de Polícia) falou sobre a investigação, depois que o vídeo veio à tona em grupos de WhatsApp.

Além de Jhonny, Alessandro Ronaldo Mosca Junior, de 21 anos, também aparece nas imagens agredindo o rapaz. Os dois são investigados por tentativa de homicídio. A vítima e os suspeitos já foram ouvidos pela polícia. O rapaz que apanhou confessou ter urinado em uma das rodas do carro do agressor.

O advogado Ronye Mattos, que faz a defesa de Jhonny, dá outra versão para os fatos. “Meu cliente estava com a namorada e ficou muito nervoso quando se deparou com o rapaz vandalizando o patrimônio dele. Estou interpretando isso como legítima defesa, defesa da honra”, alegou.



O advogado do rapaz é um comédia, só pode. Bem, é a função dele, mas talvez seja melhor ele assistir o vídeo novamente e constatar que eram 3 espancando o jovem, sem medir consequências, chutando a cabeça, o peito, órgãos vitais, ou seja, uma grande COVARDIA.
Quanto ao pai reclamar sobre quem filmou, é outro que deveria tomar chazinho de "semancol", pois se não tivessem filmado, o filhinho passaria impune.
Em parte, o ocorrido serve para mostrar aos jovens, que determinados atos, podem gerar graves consequências, como exposição negativa, cadeia e todo o azar de coisas bem negativas. Que aproveite a fase para aprender a ser gente.
 
Bocardi em 09/10/2016 11:51:25
Poxa! Situação complicada em que se meteram. Fazemos uso de bebidas alcoólicas para festejar, geralmente é sempre com este intuito, mas é algo perigoso tbm. Eu confesso que tenho medo desses caras marombados que não possuem limites, com um pouco de álcool e qualquer coisa banal já perdem a cabeça. Impossível não se revoltar com as cenas, e eu acredito mesmo que o cara esteja muito envergonhado, ainda mais com a grande exposição que está ganhando. E tenho mais pena ainda dos pais, com uma vergonha dupla, pela atitude do filho e pelo agora rótulo de maus educadores, eu peço desculpas aos meus pais por coisas muito menores, choro quando percebo que os magoei de alguma forma, e não é por nada, eles já fizeram muito por mim e esse cara deve muito aos seus pais agora, espero que sirva de lição!
 
Paulo Almeida Reis em 07/10/2016 22:23:09
Tá na cara que o pai mente igual ao filho que deve ser um riquinho metido a besta...só pedir desculpas o que duvido que tenha acontecido, não é o correto, ele quase mate o rapaz, e outra duvido que ele estando em cambada o outro iria provoca-lo mostrando o penis e o desafiando..pai retardado acredita em tudo, ou mente pra ajuda-lo, e outra, quem nasceu bandidinho e ruim, morre assim..ele mostrou ser frio, calculista e machão, quer ser chefe de gangue..tem que pegar cadeia mesmo..se tivesse educação religiosa, e de berço em casa, não seria assim..Ensina ele a conhecer as leis de Deus, e a seguir a Cristo que as coisas podem mudar..
 
Zulmira Ferreira em 07/10/2016 20:55:29
O cara é um MONSTRO COVARDE. Mas o PAI e a MÃE têm culpa. É só olhar o que o pai fala que dá pra imaginar a criação que esse PLAYBOY COVARDE recebeu dos pais. Se a gente pinçar algumas declarações do pai do COVARDE PLAYBOY AGRESSOR a gente talvez compreenda como é que se fabrica, se forma um MONSTRO COVARDE PLAYBOY AGRESSOR como esse tal de Jhonny:
Ouçamos o que o pai tem pra dizer:
1 - “O caso foi uma briga de adolescentes e só teve toda essa repercussão, porque uma pessoa com 'espírito de porco' gravou no celular e divulgou as imagens”
2 - “Meu filho trabalha aqui comigo, faz faculdade e nunca se envolveu nesse tipo de confusão. Minha esposa não conseguiu dormir à noite, preocupada com o que pode acontecer”. “Jhonny prometeu mudar a postura em relação ao comportamento”
3 - “Meu o filho
 
Javier Aymar em 07/10/2016 19:16:35
É só ler as declarações do pai que é possível compreender a atitude do filho. Lamentável!!!
 
Everton Ribeiro em 07/10/2016 18:40:10
Quem resolve tudo com brigas, não deve ter respeito. Merece arcar com as consequencias, não é coitadinho e se chegou a esse ponto, certamente os pais falharam na educação, são tão culpados quanto.
 
Claudinei Abreu em 07/10/2016 18:32:39
Se meu filho fosse a vítima, eu destruiria o carro, celular, botava fogo nas roupas dele, relógio, tudo de bens materiais do seu filho pra ele aprender a dar valor a vida, e não a merdas. Péssima educação desse valentãozinho ai, me coloco no lugar dos pais do outro! Espero que ele tenha de volta em triplo todo esse ódio ai que transmitiu!
 
Patricia Tebet F. Mattana em 07/10/2016 14:32:32
O seu filho está com medo?! Não fo trabalhar por medo?!

Agora, se ponha do lugar do pai da vitima, porque você está do outro lado, Você é o pai do agressor é fácil falar que seu filho é um trabalhador, estudante e tudo mais ... Eu também sou trabalhador, estudante e tenho minhas responsabilidades. Nem por isso, eu saio agredindo as pessoas a ponto de deixar alguém numa cadeira de rodas.
Entendo sua dor e sua preocupação com o seu filho, mas ele errou, errou feio e tem que pagar por isso. Como nossa justiça é falha, o seu filho está sob julgamento popular, ou seja. Eu certamente ficaria preocupado com o que pode vir acontecer com sua família, já que assim como seu filho, tem pessoas que em segundos pode perder o controle e fazer besteiras. E acredite! A tal "Vitima" está sendo protegida.
 
Tri Vilin em 07/10/2016 13:47:35
agora pensa bem meu Senhor se seu filho é espancado na rua, toma um mata leão. o que vc acharia? nao justifica bater nos outros seja la por qualuqer coisa. aparentemente seu filho se aproveitou e garantiu os amigos que tinha no momento, merece sim ser hostilizado pelas pessoas e ter medo de sair na rua. pessoas como ele tem que tomar um corretivo, perder ate a habilitação se possivel e ser preso algum tempo pra aprender viver em sociedade.
 
Alessandra Chagas Carvalho em 07/10/2016 13:34:47
O SRº deveria dar o exemplo e ter levado seu filho a delegacia, seu filho não é a vitima e sim um assassino ,o senhor deveria ter vergonha de postar que seu filhos foi ameaçado e não foi ao trabalho, é por isso que este país esta deste jeito, que exemplo de educação que o senhor deu ao seu filho, agora engolhe a seco as ameaças e espero que seu filho e quem participou desta crueldade seja pego e ele a mesma surra, seu filho tentou matar o rapaz.
 
justica em 07/10/2016 11:35:12
"briga de adolescentes"
 
Pedro em 07/10/2016 10:30:34
Esse aí tem que receber o troco 2x pior!
Quem sabe uma facãozada? !
 
Mpeses em 06/10/2016 23:31:44
Meu filho faz faculdade e trabalha aqui comigo!Ohh, que penhinha do filhinho do papai que esta sendo ameaçado! Esse desgraçado deveria mesmo era responder por homicídio doloso triplamente qualificado e passar o resto da vida vendo o sol nascer quadrado. Lá os presidiários que são tão bonzinhos e inocentes como ele lhe tratariam com o maior carinho.
 
Wesley Ribeiro em 06/10/2016 18:27:31
Sem boi pra esse moleque lixo... Vem dar uma de coitado mas no vídeo mostra como é marginal.

O pai tinha que pedir desculpe junto, porque o fato desse merdinha ser marginal é culpa do pai que não soube educar.

Sorte dele que bateu em um tonto que não vai revidar...

Tem que passar uns dias na cadeia
 
Caio Dani Guima em 06/10/2016 17:56:43
Este cidadão não é digno de sair as ruas,se fosse com um familiar meu já estaria seriamente encrencado, nada justifica tanta selvageria, mas a culpa não é só dele não e sim de sues pais que não educaram.
Tomara que leve sim um corretivo do brabo aí nas ruas, bombadinho machão,se pegasse um preta não teria a mesma coragem né safado covarde.
 
Cesar Fabricio Arruda Siqueira em 06/10/2016 14:20:51
porque foram liberados na delegacia? isso é uma tentativa de homicídio, covarde é a palavra que define este sujeito
 
martins em 06/10/2016 10:26:24
Muita crueldade pra Alguém que nunca fez isso e o pai ainda chamou quem filmoude espirito de porco a fruta nãocai tão longe da arvore agora ta com medo de seu filho sofrer o mesmo que ele causou né da Justiça superior ninguém escapa
 
Mário Carteado em 06/10/2016 09:26:24
cadê a resposta da vítima ou do advogado da vítima ? só o agressor tem direito de resposta neste site ?
 
Felipe Lacerda em 05/10/2016 21:14:57
que do desse pobre adolescente que não sabe o que faz, me lembro ate do pobre caso do outro rapas que foi preso também injustamente só pq era o maniaco da cruz. =D
 
Ewerson Douglas em 05/10/2016 19:51:23
o pai é outro.....como pode dizer que toda repercussão foi só porque filmaram uma briga de adolescentes? seu filho tem que ficar encarcerado, porque tem mente assassina....
 
Lucimar Gomes em 05/10/2016 18:22:17
kkk. É pra rir mesmo, na hora de fazer merda e quase matar o rapaz - q pelo vídeo n teve 1 seg de momento p se defender, o agressor está com medo? Tem que ficar com medo mesmo. Assim, da próxima pensa antes de sair atacando os outros com a ajuda dos amiguinhos, pq esse tipo de machão, só é machão se tiver alguém ajudando. Eu n tenho nenhum pouco de compaixão por esse merdinha, pq é um merdinha. E n ficaria com dó e nenhum pouco surpreso se caso algo acontecesse com ele da mesma forma. O melhor e a parte mais comica, é a do advogado alegar legitima defesa - eu q n tenho vocação nenhuma pra direito, seria melhor advogado q esse ai. O pior é o pai defender um bosta desse, deveria dar é um corretivo bem dado, ou será q acha que apenas dando um celular novo, vai apagar as sequelas da agressão?
 
Thiago Jordão em 05/10/2016 18:05:03
"O caso foi uma briga de adolescentes e só teve toda essa repercussão, porque uma pessoa com 'espírito de porco' gravou no celular e divulgou as imagens."

Oi?????
 
Nadyelle Farias em 05/10/2016 17:56:05
alguém me autoriza rir do advogado do agressor que tenta pregar a tese de "legítima defesa da honra"?????
 
Wallimann em 05/10/2016 17:32:17
Não é possível, consequência de ignorância, primeiro o pai "espirito de porco" é por isso que seu filho apronto tal pai tal filho, se não tivesse filmado passaria em branco, agora o advogado alegando legitima defesa o que é isso?, como pode ser legítima defesa se no vídeo o agressor falar em matar, e o agredido está totalmente acuado com as mãos na cabeça sem direito de defesa, merece sim perder sua paz não justifica agressão física com tal brutalidade e covardia, se fosse o contrario esse pai empresaria estava revoltado pq aparenta ter dinheiro...
 
Diego Silva Teixeira em 05/10/2016 16:43:37
esse marginal,chamado jhonny tem que ir direto pra cadeia e lá receber o tratamento que merece,ele foi machão em bater em um outro jovem com sua turma então la ele vai receber um tratamento diferenciado também,cacete nesse marginal.quem precisa de psicologo hoje é o rapaz que apanhou não esse marginal vestido de cordeiro.
 
Felix Irlando em 05/10/2016 16:07:51
“Como forma de arrependimento, meu filho até comprou um celular e entregou para a vítima...."

Faça-me o favor, né!?
 
JC em 05/10/2016 15:46:07
Num é possível que o pai não achou grave o que o filho fez, graças a esse espirito de porco que filmou é que a policia viu. Sim, temos que perdoar, amar nossos filhos, mas tampar o sol com a peneira diante da gravidade da situação é no minimo um absurdo!
 
Wania Raquel Theodorowicz em 05/10/2016 14:34:26
A bonitão negativo, esse Johnny tem que ser homem agora e arca com as consequências, ele deve ser preso pagar um valor para o rapaz ou pagar em prisão ou sacolão serviços comunitários ou tomar um cassete, teve atitude de moleque e agora quer correr pra debaixo da saia da mãe, e coitada da mãe desse bosta que fica preocupada com um idiota que nem o Johnny ela não merecia isso espero que tenha justiça para esse merdinha e que ele aprenda que as coisas não funciona assim igual no mundinho dele porque no mundo real os atos tem severas consequências.
 
André Hernandes em 05/10/2016 14:02:02
Que pensamento heim pai?
se não fosse o "espírito de porco" seu filho poderia fazer isso com outra pessoa e talvez até matar... ou morrer.. Uma hora ele ia achar um outro mais "macho' que ele.. aí seria o senhor chorando.. ao invés de passar a mão na cabeça do seu filho.
"lição que não se aprende em casa se aprende na rua"
 
Gladys em 05/10/2016 13:36:21
Engraçado, esses "bombadinhos" sempre são machão junto com amigos, agora está com medinho??? graças a Deus um ser de bom coração filmou e divulgou o vídeo, senão seria esquecido e por pouco o rapaz não teve um TCE e uma lesão grave irreversível, depois de uns dias vem o argumento incriminando a vitima. bem típico dessa espécie, tirar a camisa e parecer o mais valente.
 
Junior em 05/10/2016 13:34:44
Então pelo que entendi são dois crimes, tentativa de homicídio, estava com carro bêbado dirigindo, ele confesso que estava bêbado.
 
Alex Tognasini em 05/10/2016 12:32:16
É sério isso???

"“Os dois estavam bêbados. Eles iniciaram uma discussão que infelizmente acabou na briga. Agora, meu filho vai responder pelo crime que cometeu”, lamenta."

O pai do agressor lamenta pelo filho estar bêbado??? Que se ele não tivesse espancado o outro rapaz... ele poderia ter causado outro acidente pois logicamente ia pegar o carro bêbado!!

Continuo chocada com isso!

Será que isso não levanta outro tipo de crime? das duas partes!!!
 
Ana em 05/10/2016 12:28:24
Graças a Deus um "Espírito de Porco" gravou, caso contrário ele estaria impune, pois quase matou o outro rapaz.
 
RogersMS em 05/10/2016 11:27:20
haaaa sim o espirito de porco é o cara que filmou e não o espirito de santinho do seu filho né,espirito do capeta então né pq nada justifica o que ele fez!
se fosse ao contrario do que o senhor chamaria o cara que espancou seu filho??
pra mim é assassino mesmo tem ficar guardado igual bicho pq é o que ele mostrou ser!
 
Luan Ortega em 05/10/2016 11:23:58
Devem pagar pelo que fizeram. Tentativa de homicídio neles! Na cadeia vamos ver se eles são machôes assim!
 
Donado em 05/10/2016 11:02:24
Humm.... Coitadinho!!! Agora tá com medinho é??? Não é o machão bom de porrada ??? vai para rua agora vamos ver MACHÃO. Covarde.
 
Clebe PL em 05/10/2016 10:59:01
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions