A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

27/02/2015 16:18

Motivado por ciúmes, mototaxista esfaqueia e deixa a ex mulher cega

Ricardo Campos Jr.
Sidney diz que não se lembra de detalhes do crime porque estava embriagado (Foto: Alcides Neto)Sidney diz que não se lembra de detalhes do crime porque estava embriagado (Foto: Alcides Neto)

Mulher de 35 anos, que não teve o nome divulgado pela polícia, ficou cega depois de ser esfaqueada pelo ex-marido, o mototaxista Paulo Sidney da Silva Coelho, 43 anos. Apresentado à imprensa nesta sexta-feira (27), o homem afirma que agiu embriagado e motivado por ciúmes, visto que a vítima estava mantendo relacionamento com um colega de profissão dele. O crime aconteceu no dia 18 de fevereiro na Travessa Orestes, no Bairro Aero Rancho, mas a prisão foi cumprida ontem.

Segundo a delegada que apurou o caso, Marília de Brito Martins, ao ser colocado na viatura, o preso disse que só não conseguiu consumar o homicídio porque a ex se debateu demais, impedindo que ele fosse além das 12 facadas que havia acertado. Inclusive depois que a vítima já havia sido socorrida, ele voltou à cena do crime para descobrir se ela havia sobrevivido.

Ao prestar depoimento, afirmou que não se recordava da conversa com a equipe que o deteve por estar sob efeito de álcool naquele momento, assim como no dia em que cometeu o crime.

Conforme a delegada, na época em que foi casado com a vítima, Paulo chegou a ter uma amante e chegou a agredir a esposa várias vezes, mas ela nunca o havia denunciado à polícia. “A tendência é essa: que se agrave cada vez mais”, afirma.

Na separação, teria pedido à vítima que nunca namorasse outro mototaxista porque poderia “pegar mal”. No entanto, Sidney ficou enciumado ao saber que a mulher não só havia descumprido o “trato” como estava namorando um homem que trabalhava no mesmo ponto que ele.

À imprensa, o suspeito disse que não premeditou o crime e que sempre andava com a faca guardada no carro. “Eu bebi e depois não me lembro de nada que aconteceu”, alega. Sobre os dois filhos pequenos que teve com ela, disse apenas que “o destino cria”. Ao saber pelos jornalistas que uma das facadas atingiu o olho e deixou a vítima cega, falou que está arrependido. “Ela sempre foi 'gente boa’ comigo e se eu fosse voltar atrás, não faria isso de novo”, relata.

Sidney vai passar por exame corpo de delito e será encaminhado para uma cela na 4ª DP. Ele será indiciado por tentativa de homicídio qualificada.

Suspeito será encaminhado para cela na 4ª DP (Foto: Alcides Neto)Suspeito será encaminhado para cela na 4ª DP (Foto: Alcides Neto)


Tinha que furar os dois olhos dele e enfiar na cadeia.
 
Max em 27/02/2015 17:00:17
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions