A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 25 de Abril de 2019

22/12/2018 13:20

Motoristas ignoram multa e estacionam em local proibido na 14 de Julho

Nem mesmo as placas instaladas na região intimidam os condutores; fiscalização no local aumentou na sexta-feira

Liniker Ribeiro e Bruna Pasche
Motorista estava estacionado na faixa de pedestre da 14 de julho, entre as ruas Cândido Mariano e Dom aquino. (Foto: Kísie Ainoã)Motorista estava estacionado na faixa de pedestre da 14 de julho, entre as ruas Cândido Mariano e Dom aquino. (Foto: Kísie Ainoã)

A aplicação de multas para condutores que estacionam de forma irregular na Rua 14 de Julho começou a valer na última quinta-feira (20), mas nem a cobrança e o risco dos motoristas perderem pontos na carteira tem inibido esse tipo de atitude. Na manhã deste sábado (22), por exemplo, ao menos dois veículos foram flagrados estacionados em cima da calçada.

O trecho onde as irregularidades mais acontecem fica entre as Ruas Dom Aquino e Cândido Mariano. No local, um dos condutores percebeu a presença da equipe de reportagem do Campo Grande News e não se intimidou. “Pode tirar foto”, afirmou ele.

Para evitar que os condutores se confundam na hora de estacionar, equipes da Agetran (Agência Municipal de Transporte e Trânsito) instalaram placas de orientação, esta semana. Onde é permitido parar, os dizeres indicam que o carro deve ser estacionado “paralelo a guia”. A mensagem foi necessária, pois muitos motoristas estavam parando os veículos na vertical e, em muitos casos, a traseira chegava a ocupar parte da via.

Já no trecho onde a calçada foi alargada, placas indicam que estacionar é proibido. De acordo com a Agetran, a fiscalização no local aumentou na última sexta-feira (21) para garantir que as medidas sejam respeitadas. Na manhã de hoje agentes estiveram no local, de acordo com comerciantes da região, mas durante as duas horas que a reportagem esteve no local, nenhum fiscal foi localizado.

Em entrevista ao Campo Grande News, no início da semana, o gerente de Fiscalização da Agetran, Carlos Guarini, explicou que estacionar em 45 graus é passível de multa média no valor de R$ 130,16. Já para quem parar ou estacionar sobre a calçada a multa é de R$ 195,23 (5 pontos na carteira) e remoção do veículo para o pátio do Detran (Departamento Estadual de Trânsito)", alerta.

Obras - As mudanças na Rua 14 de Julho fazem parte do projeto de obras Reviva Campo Grande. Previsto para ser concluído em fevereiro de 2020, o calendário de atividades divulgado na quinta pela prefeitura estima que os serviços sejam adiantados, com expectativa de terminar até novembro de 2019.



Campo Grande é a capital do festival de abusos no trânsito. Motoristas estacionam na contra mão, em locais de idosos e onde tiver espaço. Dentro dos shoppings é uma farra. Na rodoviária nova, se não tem guarda, o povo entope de carro no local de embarque/desembarque. Essa 14 de julho, fizeram uma lambança e ficou igual era. Agora pior pois onde não podem estacionar, estacionam. Tem que tracar multa nos errados.Unico jeito.
 
Soucorreto em 22/12/2018 19:39:29
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions