A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

03/03/2014 11:48

Movimento em segunda-feira de Carnaval surpreende lojistas

Aliny Mary Dias
Dia foi de compras para muitos campo-grandenses (Foto: Cleber Gellio)Dia foi de compras para muitos campo-grandenses (Foto: Cleber Gellio)

Em plena segunda-feira (3), antes do 5º dia útil quando a maioria dos funcionários recebe o pagamento do mês, o movimento nas lojas do Centro da Capital surpreende consumidores e patrões. O comércio só deve ficar fechado amanhã (2) e na manhã da quarta-feira, mas quem abrir as portas não é obrigado a pagar adicional aos trabalhadores.

A principal rua do comércio, a 14 de Julho, não traduz a realidade da época do Carnaval vivida em anos anteriores. Com bastante gente na rua e a maioria das lojas abertas, lucrou quem manteve o comércio funcionando mesmo durante a folia.

A vendedora da loja de joias Maube, Luciana Cristaldo, 33, conta que o movimento é surpreendente e pegou de surpresa até os mais acostumados com a época. “A gente tá bastante espantado, quem trabalha há bastante tempo nunca viu um movimento tão grande, ainda mais antes de sair o pagamento do pessoal”, explica.

Sobre a ida ao Centro sem dinheiro, muitos lojistas justificam que o pagamento dos servidores públicos da Prefeitura e do Governo ajudaram a aquecer as vendas.

Para o gerente da loja de roupas Lelis Modas, a segunda de Carnaval está sendo bem positiva no quesito das vendas. “O pessoal tá comprando, a gente já abriu a loja com venda. Esperamos que continue assim no fim do dia”, conta Carlor Lee, de 32 anos.

Ildete se surpreendeu com o movimento desta segunda-feira (Foto: Cleber Gellio)Ildete se surpreendeu com o movimento desta segunda-feira (Foto: Cleber Gellio)
Para vendedora Luciana, lojas cheias surpreenderam até quem trabalha há anos no comércio (Foto: Cleber Gellio)Para vendedora Luciana, lojas cheias surpreenderam até quem trabalha há anos no comércio (Foto: Cleber Gellio)

Outra que ficou animada com o movimento das ruas é a vendedora ambulante Ildete Isidoro dos Santos, de 69 anos. Acostumada com a calmaria de períodos onde os órgãos públicos decretam ponto facultativo, a vendedora comemora.

“Está vendendo muito bem hoje, eu achei que ia ter pouca gente na rua, mas me enganei. Vou ficar o dia todo e espero que venda muito mais ainda”, diz.

Entre os consumidores a justificativa de sair de casa em um período que poderia ser de descanso é a mesma. “Eu achei que ia estar bem tranquilo e vim dar uma olhadinha e comprar roupa, mas as lojas estão bem cheias”, afirma Sandra Duarte, de 25 anos.

Conforme a ACICG (Associação Comercial e Industrial de Campo Grande), o funcionamento das lojas na terça-feira (4) e quarta-feira (5) é facultativo. Mas os lojistas que resolverem abrir as portas não precisam pagar adicionais aos funcionários, já que a terça não é considerada feriado.

Guarda oferece palestra sobre prevenção e combate às drogas em Uneis
Jovens da Unei (Unidades Educacional de Internação) Dom Bosco e da Unidade de Internação Feminina Estrela do Amanhã, em Campo Grande, receberam pales...
Cadastramento biométrico é oferecido pela Carreta da Justiça em Anhanduí
Desde o início desta semana a Carreta da Justiça está realizando atendimentos da biometria no distrito de Anhanduí, no município de Campo Grande, gra...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions