A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

19/03/2013 10:17

MPE quer proibir funcionamento de funerária dentro de hospitais

Edivaldo Bitencourt

O MPE (Ministério Público Estadual) publicou, na edição de hoje do Diário Oficial, recomendação proibindo o funcionamento de funerárias dentro de hospitais e instituições de saúde.

A promotora de Justiça da Cidadania de Campo Grande, Daniela Cristina Guiotti, quer garantir o cumprimento da Lei Municipal 2.795, de 18 de janeiro de 1991, que proíbe o funcionamento de agentes funerários em um raio de 100 metros no entorno dos hospitais públicos e privados.

Ela cita a abertura de inquérito, no ano passado, para apurar o funcionamento da Funerária Monte Fugi no interior da Santa Casa de Campo Grande, contratada em licitação realizada em 2002.

Na recomendação publica hoje, Daniela pede para o prefeito Alcides Bernal (PP) se abster de incluir qualquer unidade de saúde entre os possíveis locais para o funcionamento de funerárias.

Na semana passada, a Prefeitura da Capital publicou edital de dispensa de licitação para o funcionamento de cinco novas funerárias em Campo Grande.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions