ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
MAIO, DOMINGO  26    CAMPO GRANDE 14º

Capital

Mulher “dorme” na rua para ser a 1ª em fila por emprego que dobrou quarteirão

Antes das 7h, centenas de pessoas aguardavam para pegar senha e participar do antigo Proinc

Por Izabela Cavalcanti e Antonio Bispo | 20/02/2024 07:12
Fila em frente a Funsat para pegar senha e fazer parte do cadastro reserva do Primt, antigo Proinc (Foto: Henrique Kawaminami)
Fila em frente a Funsat para pegar senha e fazer parte do cadastro reserva do Primt, antigo Proinc (Foto: Henrique Kawaminami)

Esta terça-feira (20) começou com fila extensa em frente à Funsat (Fundação Social do Trabalho), que até dobrou o quarteirão. O motivo é que a Prefeitura de Campo Grande abriu cadastro para que pessoas desempregadas façam parte do banco reserva do Primt (Programa de Inclusão ao Mercado de Trabalho), antigo Proinc.

O cadastro se encerra na quarta-feira (21) e pode ser feito na própria Funsat, localizada na Rua 14 de Julho, n° 992, Vila Gloria, das 7h às 10h. Foram distribuídas 100 senhas para atendimento.

Amanda Borges Rangel, de 38 anos, chegou às 19h30, de ontem (19), a primeira da fila. Ela é de São Paulo e está morando há 5 meses em Campo Grande. “Se eu conseguir a vaga, vou trazer meus filhos de São Paulo para morar comigo. Uma oportunidade como essa vai mudar a minha vida, pois ajuda a pagar as contas e também vou ter uma ocupação”, pontuou.

Amanda conta que levou até um saco de dormir para aguentar passar a noite sozinha no local, e dormiu na calçada da agência. Segundo ela, a segunda pessoa só chegou por volta das 2h30.

Gerson Dias Salvador, de 59 anos, chegou às 5h30, mas era o 101° da fila. Ele é de Vicentina e mora em Campo Grande desde 2013.

Gerson em frente à Funsat para tentar garantir vaga em cadastro reserva do Primt (Foto: Henrique Kawaminami)
Gerson em frente à Funsat para tentar garantir vaga em cadastro reserva do Primt (Foto: Henrique Kawaminami)

“Seria uma oportunidade muito boa na minha vida. Se eu tivesse chegado 10 ou 20 minutos antes, talvez eu conseguiria, mas tudo bem, amanhã a gente tenta de novo e chega mais cedo”, lamentou.

Rafaela Escobar, de 20 anos, era uma das últimas e não conseguiu pegar senha. Ela chegou no local às 7h.

“É importante esse cargo porque trabalha de segunda a sexta, são 6 horas diárias e não é tão puxado quanto um outro emprego comercial, muitas vezes paga até menos”, disse. Ainda de acordo com ela, vai tentar outra vaga e voltar mais cedo amanhã.

Benefícios – Para quem for convocado será concedido bolsa-auxílio mensal de R$ 1.412 (salário mínimo); alimentação; uma cesta básica mensal; e meio de transporte para o local de trabalho, quando necessário.

Além disso, também será oferecida qualificação profissional e social para preparação ao mercado de trabalho formal, com cursos promovidos pela Funsat ou por intermédio de parcerias com organizações privadas e entidades públicas.

As atividades a serem realizadas pelos beneficiários serão na execução de serviços de interesse da Administração Pública Municipal e da comunidade local.

Os serviços são: limpeza, conservação e consertos diversos em praças, escolas, centros infantis, centros sociais, unidades de saúde ou assemelhados, aparelhos e canteiros públicos.

Inclui também roçada, capina, podas, varrição e conservação de próprios e logradouros públicos e preparação de áreas públicas para a realização de eventos, entre outras atividades.

Fila para conseguir cadastro reserva no Primt, dobrou o quarteirão (Foto: Henrique Kawaminami)
Fila para conseguir cadastro reserva no Primt, dobrou o quarteirão (Foto: Henrique Kawaminami)

Quem pode participar ? – Podem participar as pessoas que comprovarem as seguintes situações.

  • Ter entre 18 e 67 anos;
  • Estar inscrito no CadÚnico (Cadastro Único);
  • Estar desempregado por período igual ou superior a 6 meses;
  • Morar em Campo Grande há, pelo menos, 1 ano (apresentar comprovante de residência);
  • Possuir renda familiar per capita não superior a meio salário mínimo vigente.

Receba as principais notícias do Estado pelo Whats. Clique aqui para acessar o canal do Campo Grande News e siga nossas redes sociais.

Nos siga no Google Notícias