ACOMPANHE-NOS    
OUTUBRO, SEGUNDA  18    CAMPO GRANDE 21º

Capital

Músico de 39 anos é preso com cocaína avaliada em R$ 1,5 milhão

Por Filipe Prado | 18/11/2013 14:45

A Polícia Federal apreendeu, na BR-262, em Campo Grande, na saída para Três Lagoas, 75 quilos de cocaína. A droga foi encontrada dentro de compartimentos falsos na lataria de um carro, conduzido por um músico de 39 anos. O entorpecente pode render R$ 1,5 milhão em São Paulo, onde o quilo é cotado até a R$ 20 mil.

Durante vistoria de rotina, a polícia interceptou um veículo, conduzido por um músico, 39 anos. Eles constataram a adulteração da lataria do carro. Após conduzir o motorista e o carro para a sede da Polícia Federal de Campo Grande, eles confirmaram, depois de uma busca utilizando cão farejador, a suspeita de tráfico de drogas.

A cocaína foi encontrada dentro da lataria do carro, em alguns compartimentos secretos, nas laterais e fundo do veículo. A droga foi separada em 72 pacotes, totalizando 75 quilos.

O motorista confessou o crime e relatou que um segundo veículo estaria dando suporte a ele. Com isso, outra equipe da polícia interceptou outro veículo, que atuava como “batedor”, verificando possíveis fiscalizações nas rodovias.

O músico relatou que havia sido contratado por uma pessoa de Ponta Porã e levaria a droga para Campinas, no estado de São Paulo, encontrando o receptador em posto de combustível na entrada da cidade. Nenhuma informação ajudou a polícia na identificação do destinatário e contratante.

Os 75 quilos da droga chegam a valer, em São Paulo, R$ 1,5 milhão. No Estado, a droga está avaliada em R$ 375 mil.

Os suspeitos foram presos, autuados em flagrante, por tráfico de drogas, que prevê pena de 15 anos de prisão.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário