ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
MAIO, TERÇA  21    CAMPO GRANDE 22º

Capital

Mutirão de atendimento veterinário lota Cras no Jardim Canguru

Nos primeiros minutos da ação, 50 senhas foram entregues; serviço estará disponível até as 11h desta terça

Por Natália Olliver e Antonio Bispo | 23/04/2024 09:56
Mutirão de atendimentou lotou o Cras no Jardim Canguru nesta terça-feira (Foto: Henrique Kawaminami)
Mutirão de atendimentou lotou o Cras no Jardim Canguru nesta terça-feira (Foto: Henrique Kawaminami)

O mutirão de atendimento veterinário no início da manhã desta terça-feira (23) lotou o Cras (Centro de Referência de Assistência Social) no bairro Jardim Canguru. Nos primeiros minutos de ação, foram entregues 50 senhas. Conforme a Subea (Subsecretaria do Bem-Estar Animal) não há limite de animais por senhas. A expectativa é de que 100 animais sejam atendidos. O serviço continua até as 11h, na Rua dos Topógrafos.

Essa foi a primeira vez que a Pandora passou pelo mutirão gratuito. A tutora, Ida do Amaral, de 62 anos, conta que o animal tem 13 anos e que já está debilitada. “Ela é muito idosinha, faz fezes com sangue, às vezes a barriga desarranja. É a primeira vez que trago. Antigamente tinha dinheiro, hoje não tem. Então isso é muito importante”.

A tutora Neuci Pelz participou pela primeira vez do mutirão (Foto: Henrique Kawaminami)
A tutora Neuci Pelz participou pela primeira vez do mutirão (Foto: Henrique Kawaminami)

A dona de casa Neuci Pelz, de 58 anos, também levou a nova gatinha da família para vermifugar. Ela foi resgatada há poucos dias. “Ela tem uma semana comigo. Como já ia fazer o procedimento de vermifugação, achei a barriga dela meio grande e aproveitei. Essa aqui era a minha preocupação, não sei o passado dela”.

Ela conta que o serviço ajuda quem quer cuidar dos animais. “Eu acho muito bom porque ajuda a gente pra não ter que estar saindo do bairro. Acho que tem que ter sempre. Primeira vez que participo. Valeu a pena”.

Shirley Felix, de 24 anos, levou a nova cachorra para encaminhamento para castração. Ela também participa pela primeira vez da ação. “Essa que não tem nome porque apareceu em casa, não sai de lá e fiquei com ela. Aí estou escolhendo o nome. Trouxe pra fazer a vacina e vou querer castrar ela. É legal porque também tem gente que não tem condição”.

São oferecidas consultas, vermifugação, medicação para pulgas e carrapatos, microchipagem e catração (Foto: Henrique Kawaminami)
São oferecidas consultas, vermifugação, medicação para pulgas e carrapatos, microchipagem e catração (Foto: Henrique Kawaminami)

A jovem conta que chegou a gastar R$ 1.200,00 para castrar duas gatas no serviço veterinário particular e que serviço ajuda na economia. Durante o evento, serão oferecidas consultas veterinárias, vermifugação, medicação para controle de pulgas e carrapatos, microchipagem, encaminhamento para castração de machos e fêmeas, além de orientações educativas contra os maus-tratos.

Shirley Felix levou a nova cachorra para castração (Foto: Henrique Kawaminami)
Shirley Felix levou a nova cachorra para castração (Foto: Henrique Kawaminami)

Para participar é necessário que o tutor apresente apenas um documento com foto e um comprovante de residência. A secretaria ressalta que o atendimento será oferecido somente a cães e gatos.

Receba as principais notícias do Estado pelo Whats. Clique aqui para acessar o canal do Campo Grande News e siga nossas redes sociais.

Nos siga no Google Notícias