A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

19/07/2014 09:18

Namorada diz que repositor tinha intenção de matar policial federal

Edivaldo Bitencourt e Renan Nucci
Andreia acompanhou o namorado até a UPA Vila Almeida (Foto: Marcelo Calazans)Andreia acompanhou o namorado até a UPA Vila Almeida (Foto: Marcelo Calazans)

A namorada do policial federal Nelson Kurek, 44 anos, Andreia Raquel Villalba, 24 anos, afirmou que ele apenas se defendeu e reagiu à agressão. Ela também acusa o repositor Alciberto Mendes da Silva, 24, de ter atirado com a intenção de matar o agente federal e não apenas se defender.

Ela contou outra versão para a tentativa de assassinato. Na sua versão, o repositor pediu para o agente federal retirar o veículo e ele obedeceu. Nelson Kurek estava dentro do Fiat Palio, quando, segundo Andreia, o repositor lhe agrediu com o capacete.

Nelson se defendeu e os dois começaram a discutir. Ela contou que o namorado pegou a arma para se defender.

Neste momento, Alciberto pegou a arma e efetuou o disparo no ombro do policial. O tiro acertou o ombro. O policial saiu no carro para escapar dos demais tiros. Segundo a namorada, o repositor tinha a intenção de matá-lo.

Andreia, que namora o policial federal há cinco anos, disse que não houve ameaças por parte do agente público. Ela até negou que os dois tenham continuado a bagunça após o pedido de Alciberto ontem à noite. “Quando pediram para a gente ficar quieto, fomos dormir”, contou.

O policial foi até a UPA (Unidade de Pronto Atendimento) da Vila Almeida, onde foi atendido. A bala atravessou o ombro e ele será encaminhado para a Santa Casa. O repositor foi levado para a delegacia, onde seria ouvido pela Polícia.
Ele contou que o policial lhe agrediu e fez ameaças, quando ele torceu o punho do agente federal e houve o disparo do tiro.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions