A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 19 de Setembro de 2018

23/06/2018 09:19

Pacientes madrugam em busca de consultas da Caravana da Saúde

Atendimentos começaram 6 horas e vão até 17 horas; a programação continua até 6 de julho

Mayara Bueno e Mirian Machado
Fila extensa no pátio do parque Ayrton Senna, na manhã deste sábado (dia 23). (Foto: Fernando Antunes).Fila extensa no pátio do parque Ayrton Senna, na manhã deste sábado (dia 23). (Foto: Fernando Antunes).

Pacientes em busca de atendimento madrugaram no parque Ayrton Senna, em Campo Grande, onde, neste sábado (dia 23), ocorre mais uma etapa da Caravana da Saúde. Por lá, serão disponibilizadas consultas médicos e também serviços como vacinação, Procon (Superintendência de Proteção ao Consumidor), Polícia Civil, entre outros.

Hoje, o atendimento no local segue até 17 horas. Ao longo da programação, que vai até 6 de julho, serão oferecidas especialidades médicas de dermatologia, ginecologia, endocrinologia, cardiologia, gastroenterologia, pneumonia, angiologia, urologia, mastologia e neurologia.

Contudo, o coordenador da Central de Regulação, Ed Carlos Britto, afirma que as especialidades estarão disponíveis em dias diferentes. Ou seja, o paciente precisa ficar atento para saber que dia o cardiologista, por exemplo, vai atender.

Rosângela Dias, porteira, 49 anos, chegou às 4 horas para conseguir atendimento de colonoscopia e dermatologista, além de ultrassom de mama. No entanto, os serviços não estavam disponível nesta manhã. "Soube de quem chegou 2 horas".

A filha dela, Jennifer Gonzaga, 23 anos, também chegou cedo para tentar marcar cardiologista para o filho de sete anos. Como o profissional não atende hoje, a consulta foi agendada para terça-feira, relata.

O coordenador da Central de Regulação explicou que o órgão está ligando para os pacientes que estão previamente cadastrados, informando horários e detalhes das consultas, para evitar que a pessoa vá direto no Ayrton Senna e não tenha o atendimento naquele dia. Hoje, por exemplo, estão disponíveis exames de sangue e urina.

Previsão - A SES (Secretaria de Estado de Saúde) espera fazer 18 mil cirurgias e 32 mil consultas em pacientes que estão na fila do SUS (Sistema Único de Saúde). Todos os dias, até 6 de julho, os atendimentos acontecem no Parque Ayrton Senna, a partir das 6 horas.

Quatro hospitais vão atender até o fim do ano somente os pacientes agendados. O projeto terá expandido na Santa Casa, Maternidade Cândido Mariano, Hospital Regional e São Julião. Do número de cirurgias previstas, pelo menos 13 mil e 30 mil consultas devem ser de oftalmologia.

Conforme a pasta, também serão feitos exames laboratoriais, de mamografia, ultrassom das mamas, papanicolau e biópsia bucal. Os municípios de Maracaju e Costa Rita também receberão procedimentos cirúrgicos do projeto, batizado de Caravana dos Hospitais.

Simultaneamente acontece o Caravana nas Escolas, que tem previsão de término no próximo mês. Segundo a SES, mais de 30 mil estudantes foram atendidos somente na Capital. A expectativa é de que o projeto passe pela microrregião de Campo Grande e na sequência vá para Dourados.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions