A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

05/12/2012 12:35

Pai entrega à Polícia filha de 14 anos que guardava droga em casa

Paula Maciulevicius
Adolescente aguardava para prestar depoimento depois que o pai a denunciou por guardar 10 quilos de maconha no quarto. (Foto: Paula Maciulevicius)Adolescente aguardava para prestar depoimento depois que o pai a denunciou por guardar 10 quilos de maconha no quarto. (Foto: Paula Maciulevicius)

Na delegacia, onde pai nenhum gostaria de estar,  o homem de 45 anos esperava para que a Polícia ouvisse o depoimento dele e da filha. Agonia que não gostaria de sentir nem em pesadelo.

Na noite desta terça-feira, ele encontrou no quarto da adolescente de 14 anos, uma mochila com quase 10 quilos de maconha. Foi por acaso. A desconfiança de que a menina vinha fumando já existia. Mas foi pelo celular que escorregou entre a cama e a parede, que o pai teve a certeza de que o envolvimento ia além do vício e chegava ao tráfico.

“Foi uma explosão. Você tem que sentar, pensar e conversar. Foi o que eu fiz. É muito pesado ter dentro da sua casa uma mochila com droga”, desabafava na delegacia.

Joenísio é carpinteiro e no semblante passava a impressão de uma pessoa tranquila até aquele momento. Os olhos deixavam transparecer o transtorno que vivia nesta manhã, entre a certeza de que entregar a filha à Polícia foi o certo e o sentimento de culpa.

Ele e a filha moram no bairro São Jorge da Lagoa. Depois de uma discussão entre ele e a namorada, Jeonísio foi dormir no quarto da filha. Quando ele foi pegar o celular que havia caído foi surpreendido de uma maneira nada agradável e a primeira atitude que teve foi a de chamar a ex-esposa à casa e contar o que havia encontrado.

“Se eu entregar para ele, estou arriscando. Já que é para arriscar, que seja tudo ou nada. Isso servirá como lição ou aprendizado”, dizia.

A adolescente, segundo o pai, não trabalha e nem estuda. O ‘ele’ a quem se refere acima é um amigo que passava as noites com a filha dele em casa. “O cara de 20 anos está usando ela. Eu falei para ele, você estava dentro da minha casa e eu confiando”, descreveu.

A droga foi encontrada por volta das 21h. “Mas eu fiquei pensando, pensando. Foram horas até chamar a Polícia”, diz o pai que estava com o coração dividido.

A filha disse à ele que havia guardado para o amigo. “Certeza que ela usava não tinha, mas desconfiava. São as más companhias e o dinheiro fácil”, tentava justificar.

Jeonísio ligou a noite toda para a filha. Foi no início do dia que ela apareceu de carona em casa, vindo de fuma festa. “Ele me ligou a noite toda, eu estava com meus amigos. Eu não liguei, quando cheguei em casa, perto do portão já vi um monte de Polícia”, descrevia a cena a adolescente.

Com lágrimas nos olhos, na Deaij (Delegacia de Atendimento à Infância Juventude), ela chorava. Parte arrependimento, parte por não acreditar no que o pai fez.

Para a imprensa ela disse que guardou a droga por duas semanas a pedido do amigo. Ela nega que seja namorado. “Ele ligava e perguntava da droga e se meu pai estava em casa”. A justificativa que o amigo deu a ela para pedir que guardasse a maconha era de que se ele carregasse no carro e fosse parado pela Polícia, seria preso.

O caso foi registrado como tráfico de drogas e corrupção de menores. A adolescente presta depoimento na Deaij e outros dois jovens também foram detidos. Um deles, o que seria o dono da droga.

Para a Polícia Militar, o pai relatou que há alguns dias, a filha e o namorado haviam chegado em casa com uma bolsa camuflada, mas pela liberdade dada ao rapaz e a filha, o pai não desconfiou de nada.

Quando a adolescente chegou à casa, se deparou com a Polícia e acabou por confessar que a droga pertencia a um morador no bairro Vila Almeida Lima. Com o endereço em mãos, o primeiro suspeito de envolvimento indicou a casa do dono da droga.

No fim, todos foram encaminhados pela Polícia para a Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) do bairro Piratininga.

“A lição que fica agora é para ela colher do jeito que achar melhor”, finalizou o pai que denunciou a própria filha à Polícia.



parabens para este pai q eu conheço muito, agradeço adeus todos os dias por ter colocado ele no meu caminho.. cuidamos muito bem dela, mais ela e um ser humano que comete erros. mas com este susto ela vai mudar.
ela tem varias amizades nem uma delas esta escrito na cara eu nao presto!! por isso nao desconfiamos dele..
estou muito triste por ela pois esta com medo, mas que sirva de liçao para vida dela.
para meu namorado parabens se nao fosse nossa briga nunca descobririmos sobre este fato lamentavel.
mas agora estamos em paz com segurança..
agradeço a todos q elogiaram este pai heroi. este homem honesto trabalhador.
q ama a filha.q jamais ira abandona la. o meu muito obrigado....
 
adriana vaz em 06/12/2012 19:27:26
Bom dia. Na verdade esse pai somente consertou o erro que ele mesmo consentia.... vou explicar...... como um pai que tem uma filha de (14) anos, permite que um "jovem" de 20 anos fique com ela em casa "namorando", passando as noites fora e sabe mais o quê????? Boa coisa não ia dar mesmo.
 
HENRIQUE CARDOZO em 06/12/2012 08:19:16
Uma atitude correta, embora muito dificil e dolorosa, q Deus conforte essa familia e as autoridades garantam a necessaria seguranca deles, pois com certeza poderao sofrer represalias pelos verdadeiros "donos" da "mercadoria" encontrada e denunciada.
 
Iara Costa em 06/12/2012 07:10:45
parabens!!! essa foi a melhor atitude,,quem sabe sirva de liçao pra sua filha, pelo menos ela já sabe do que vc é capaz, com dor no coraçao, mas nao passou a mao na cabça....um dia ela vai te agradecer por essa atitude pode ter certeza...........
 
silvana mariana em 06/12/2012 07:02:28
parabéns ao pai...embora seja difícil esta decisão, talvez através dela, ele tenha salvado a sua filha ao não ser conivente com a atitude dela...






 
margareth almeida em 06/12/2012 06:41:03
O pai merece sim os parabéns pela coragem de "entregar a filha" para a polícia. Contudo, permitir que a filha de 14 anos mantenha tão íntima amizade com um suposto amigo de 20, inclusive dando-lhe "liberdades" na própria casa, infelizmente reduz seus méritos a quase zero.
 
Fernando Silva em 05/12/2012 22:04:20
parabéns pai pela sua corajem,,, que isso sirva de lição a muitos pais omissos... que acorbetam seus filhos as vezes por compensação de suas ausências. LINDA ATITUDE.
 
tatiane lago rezende vieira em 05/12/2012 21:16:22
Parabens Pai
 
izabel correa em 05/12/2012 17:13:03
Parabéns a esse pai pôs se todos os pai tomase essa atitude numa situação como essa esse mundo não taria ai perdido...
 
Adriana Barreto Pinheiro em 05/12/2012 16:13:58
Parabéns pela coragem o mundo precisa de pais com esta atitude.
 
Alexandre Alves de Melo em 05/12/2012 14:51:54
Parabéns a esse pai pela sua honestidade e por ter dado o corretivo certo a sua filha, não fez o que muitos fariam em uma hora dessas que seria passar a mão na cabeça da filha e fazer de conta que nada aconteceu! \o/
 
ALVARO SILVA em 05/12/2012 14:45:25
PARABENS PELA CORAGEM !!!! PIOR E PAI E MAE QUE AINDA ACOBERTA ESSAS COISAS EM CASA.......
 
marcio cessar lima em 05/12/2012 13:48:43
Ele fez a parte dele, e o mundo aí fora é uma tentação para os cabeças ocas. Um dos maiores exemplos de "sensatez" pela parte de um pai. Não existe amor que cobriria esse tipo de coisa... Quem cobre, faz vista grossa e acoberta, são pais negligentes e complacentes com a situação!! Em suma: são pais que de uma forma ou outra estão contribuindo com o tráfico também. Uma salva de palmas para um pai honrado desses que tem o mínimo de dignidade dentro de si.
 
Marcello Batio em 05/12/2012 13:46:14
Parabéns a este pai, que com a atitude dolorosa no coração fez o certo. Se tds os pais tivessem essa coragem com certeza a gurizada hj tava muito melhor.
 
Denise Jove em 05/12/2012 13:27:19
Nossa que tristeza para este pai, sem saber se esta fazendo o certo ou o errado. Eu como mãe sei o quanto deve estar doendo o coração deste pai, peço a Deus que o ilumine e dê a direção certa para conduzir tudo daqui por diante. Tomara a Deus que a filha não seja usuária e tudo corra bem.
 
Elenir Matos em 05/12/2012 13:20:43
O pai agiu em nome da razão. Claro que foi difícil para ele. Mas, quem sabe com este gesto a vida dessa moça possa mudar para melhor.
 
jose luiz kreutz em 05/12/2012 13:11:54
Pode apostar que vc fez o que é certo, mas infelismente eles estarão nas ruas daqui a pouco
 
ELIA BENTO em 05/12/2012 12:57:39
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions