A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

07/11/2011 20:13

Pesquisa do Procon aponta variação de 71% entre produtos típicos de Natal

Paula Maciulevicius

No geral, as compras de final de ano nos supermercados vão sair 14% mais caras do que em 2010

Procon aconselha que consumidor espere mercados reforçarem o estoque para ir às compras. (Foto: Arquivo).Procon aconselha que consumidor espere mercados reforçarem o estoque para ir às compras. (Foto: Arquivo).

O Procon realizou a primeira pesquisa de produtos natalinos deste ano. Entre os 229 itens pesquisados, a maior variação foi da Castanha do Pará, com diferença de 71% de um supermercado para outro.

Os itens pesquisados foram panetones, vinhos, perus, frutas secas, castanhas e nozes em supermercados varejistas e de atacado.

A castanha que apresentou maior variação foi encontrada por R$ 3,14 e também por R$ 5,39. Na sequência de diferenças aparecem bebidas, o vinho, por exemplo, chega a variar 66,3%.

A coleta de preços mostrou que o panetone de doce de leite pode variar até 44,2%, já o peru Temperado Sadia teve uma variação de 20%.

O que chamou a atenção do órgão foi que em nenhum dos estabelecimentos onde a pesquisa foi realizada apresentou todos os itens pesquisados e nenhum foi unânime na economia, o que indica ao consumidor que as compras podem esperar mais um pouquinho.

“Consideramos que ainda vale a pena esperar um pouco mais, de forma a tencionar os estoques das empresas, forçando assim uma queda nos preços e por conseqüência freando a inflação”, explicou o superintendente do Procon Lamartine Ribeiro.

A pesquisa também apontou elevação de preços, comparado ao Natal de 2010, houve um aumento de 14%. “Na média de todos os itens observamos que o Natal 2011 está mais salgado do que em 2010”, ressalta Lamartine Ribeiro.

Águas Guariroba continua com campanha de renegociação de dívidas
Vai até o dia 29 deste mês a campanha "Fique em Dia", realizada pela Águas Guariroba para renegociar as dívidas que os consumidores têm com a empresa...
Prefeitura e TJ prorrogam renegociação de dívidas ajuizadas até 3ª
O programa de refinanciamento de dívidas da Prefeitura de Campo Grande foi prorrogado até o dia 19 de dezembro, a próxima terça-feira, no Centro de C...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions