A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 20 de Agosto de 2019

09/05/2019 16:15

Polícia encontra mala enterrada com 42 quilos de maconha em ponto de venda

Ao todo foram apreendidos 30 quilos de maconha, divididos em 42 tabletes e 754 porções médias e pequenas.

Geisy Garnes e Clayton Neves
Suspeito foi preso em flagrante (Foto: Clayton Neves)Suspeito foi preso em flagrante (Foto: Clayton Neves)

Policiais da Denar (Delegacia Especializada de Repressão ao Narcotráfico) prenderam nesta quarta-feira (8) Gilson Pio da Silva, de 20 anos, com vários tabletes de maconha em uma casa do Parque do Lageado, em Campo Grande. Segundo a polícia, o local funcionava como ponto de distribuição para toda a região.

Os policiais da especializada chegaram ao suspeito após denúncias sobre ponto de venda de drogas no Bairro Parque do Lageado. Eles passaram a monitorar a região e flagraram Gilson saindo de uma casa da Rua Emiliana Arruda de Araújo. Ele foi abordado e foram encontradas cinco porções de maconha.

Os investigadores entraram no imóvel e encontraram porções de maconha divididas em tabletes pequenos e médios. Nas buscas, encontraram uma mala enterrada no quintal com a droga com 42 tabletes.

A droga ficava dividida em porções de 5, 10, 15 ou 20 para facilitar na entrega para os compradores.

Ao todo foram apreendidos 30 quilos de maconha, divididos em 42 tabletes e 754 porções médias e pequenas. Segundo o delegado Gustavo Ferraris, pela organização encontrada na casa, a suspeita é de que era usada como ponto de recebimento, preparo e distribuição para a região do Lageado.

Gilson morava na casa e se negou a prestar depoimento. A polícia acredita que há outros envolvidos no esquema, que agora é investigado pela especializada. Além dos tabletes e porções, foram apreendidas quatro balanças de precisão.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions