A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

30/03/2015 11:32

Polícia identifica pessoas que abandonaram corpo de mulher em saco

Renan Nucci
Vítima foi encontrada morta dentro de um saco de dormir. (Foto: Marcos Ermínio)Vítima foi encontrada morta dentro de um saco de dormir. (Foto: Marcos Ermínio)

A Polícia Civil já identificou quem são as pessoas que testemunharam a morte de Eliane Barros dos Santos, 39 anos, no dia 19 de março, e abandonaram o corpo dela dentro de um saco de dormir no Jardim Paulista, em Campo Grande. Os envolvidos seriam frequentadores da cracolândia daquela região.

De acordo com a delegada Célia Maria Bezerra da Silva, da 4ª Delegacia de Polícia da Capital, os investigadores já estão na busca pelos suspeitos. A vítima estava com a saúde bastante debilitada em decorrência de uma pneumonia e do consumo de drogas, e pode ter morrido de overdose.

“No dia do velório os familiares informaram à polícia alguns apelidos das pessoas com quem Eliane esteve antes de morrer. O grupo usava drogas em uma casa não muito distante, quando ela passou mal e morreu. Com medo de se meterem em problemas com a polícia, os demais usuários decidiram se livrar do corpo”, explicou.

Os suspeitos podem responder por ocultação de cadáver. Eliane foi encontrada dentro de um saco de dormir amarrado com um arame, por fora, debaixo de uma árvore na calçada da Rua Planalto, cruzamento com a Rua Giocondo Orsi. A mulher não apresentava vestígios de sangramento ou agressões, por isso, a principal hipótese, levando em consideração seu histórico médico, é de overdose.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions