A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

23/07/2015 08:08

Polícia prende quadrilha suspeita de realizar furtos a caixas eletrônicos

Filipe Prado e Edivaldo Bitencourt
Quatro furtos à caixas ocorreram somente este mês (Foto: Marcos Ermínio)Quatro furtos à caixas ocorreram somente este mês (Foto: Marcos Ermínio)

Seis pessoas foram presas pelo Garras (Delegacia Especializada de Repressão a Roubo a Banco, Assaltos e Sequestros), nesta quarta-feira (22), acusadas de integrarem quadrilha especializada em furtos a caixas eletrônicos na Capital. Entre o dia 7 de julho deste ano até ontem, quatro caixas foram furtados.

A polícia suspeita que os presos estejam envolvidos nos quatros furtos aos terminais de auto-atendimento, sendo que foram todos realizados no mesmo modus operandi. Foram apreendidos dinheiro e arma, mas ainda não foi divulgada a quantidade da apreensão.

Os suspeitos serão apresentados na tarde de hoje (23), às 15h, na sede do Garras.

Furtos - O primeiro ocorreu no dia 7 de julho, em uma agência do Banco do Brasil no Jardim Santa Doroteia, foi ocasionado durante uma tentativa de estelionato. Os bandidos estavam instalando o golpe do “chupa cabra” no terminal de auto-atendimento - o esquema permite a retirada dos envelopes de depósitos.

O segundo caixa eletrônico foi queimado durante a madrugada do dia 8 também deste mês. Bandidos invadiram o Prático do Aero Rancho, localizado na Avenida Marechal Deodoro, e, com a ajuda de um maçarico, destruíram o equipamento e ainda não sabe se levaram o dinheiro do terminal de auto-atendimento.

Já no dia 12, três homens encapuzados invadiram um mercado por volta da meia noite, na Avenida Cafezais, localizada no bairro Centro-Oeste, em Campo Grande. Os bandidos roubaram R$ 500 em dinheiro que estavam no caixa do mercado.

No último, que ocorreu ontem, bandidos fizeram um buraco na parede de uma farmácia, no Jardim Noroeste, e desarmaram as câmeras de segurança. Eles usaram um maçarico para abrir o caixa, colocando uma lona na porta da frente para que transeuntes não vissem a ação. O furto durou cerca de três horas.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions