A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

29/01/2014 08:57

Policial foi morto ao investigar roubo de joias avaliadas em R$ 80 mil

Francisco Júnior e Viviane Oliveira

O policial Dirceu Rodrigues dos Santos, 38 anos, foi morto durante investigação sobre roubo de uma corrente avaliada em R$ 80 mil. A informação foi divulgada pelo delegado da Derf (Delegacia Especializada de Repressão a Roubos e Furtos), Fábio Peró.

Conforme o delegado, na noite de ontem Dirceu acompanhado de outro policial identificado como Osmar Ferreira, 39 anos, foi até a casa onde estava a joia. Os dois se passaram por compradores.

Segundo o delegado, Osmar entrou no local, enquanto Dirceu ficou aguardando do lado de fora. Durante a negociação, um travesti que estava na casa acabou reconhecendo Osmar como policial. Ele foi espancado por pelo menos oito pessoas. Peró não divulgou detalhes sobre a morte de Dirceu.

De acordo com Peró, ambos os policiais eram bastante experientes. “Infelizmente foi azar da dupla, estavam em um ambiente com muita gente, com pouco efetivo”, afirmou.

Dirceu morreu atingido por dois tiros. Osmar foi socorrido e encaminhado para o ProntoMed da Santa Casa. Ele já recebeu alta.

A Polícia confirmou que já prendeu todos os envolvidos no crime. A investigação está concentrada na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) da Vila Piratininga.

Bandidos matam policial civil com dois tiros e roubam carro para fugir
Um policial civil foi morto a tiros no bairro Campo Nobre, em Campo Grande, e o caso já mobiliza todo o efetivo de segurança pública da cidade. Ningu...
Eventos de Natal, inauguração de igreja e obras interditam 9 ruas na Capital
A Agetran (Agência Municial de Transporte e Trânsito) informa que pelo menos 9 ruas terão o tráfego impedido neste domingo (17) em Campo Grande. O fe...


obrigada a todos os parceiros da policia civil,militar,aos policiais federais que estiveram neste difícil momento de dar adeus ao policial DIRCEU que trabalhava com muito amor e dedicação,pois para ele não tinha momentos e nem hora para trabalhar.Alem de ser um bom profissional exemplar todos que o conheciam sabia do bom amigo que ele era,que ele esteja com DEUS em um bom lugar.Que ele com sua alegria descanse em paz.
Obrigada em nome da nossa família e dos amigos que amavam tanto.
 
lucimara falco em 30/01/2014 17:52:16
Nao seu se voce tem conhecimento, mas investigação se faz com veículos descaracterizados. A razao pela qual foram somente dois, talvez é porque estajam sobrando policiais em delegacias, nao é?
 
Angela Silva em 29/01/2014 12:20:31
Caro Wilson: Pelo seu comentario,percebe-se que nao conhece o meio policial. Infelizmene, o pré-conceito é geral contra policiais. Porem, nao se esqueça que policiais sao funcionarios como qualquer outro e, também, recebem e cumprem ordens. Nao cabe a eles decidirem quem e onde vao investigar. como já disse, policiais recebem e cumprem determinações. Nao foi o policial dirceu que morreu. Foi uma parte da instituição policia civil que morreu. O que está em discussao é a falta de segurança dos policiais e da população em geral.
Cara Helena. se percebe que também nao conhece o trabalho policial. Por favor, busque mais informações e nao faça comentários grosseiros e sem sentido, sem conhecimento de causa, caindo no erro da ignorancia. Nao se esqueça que policial é cidadão como você
 
Angela Silva em 29/01/2014 12:19:00
CARO AMIGO E COMPANHEIRO DIRCEU !!!!
QUE OS ANJOS ESTEJAM SEGURANDO AS TUAS MÃOS E O SENHOR O RECEBA DE BRAÇOS ABERTOS, CONFORTANDO A TODOS NÓS QUE AQUI DEIXAS DESFALCANDO UM ESPAÇO IMPOSSÍVEL DE SER PREENCHIDO SEM TUA PRESENÇA.
Agora é a hora de nosso sindicato lutar por maior efetivo. É antiga a mazela de termos de trabalhar sem efetivo fazendo com que riscos que podiam ser minimizados , sejam maximizados, colocando nós policiais em risco. Essa meia boca de policiais que estão fazendo processo seletivo do concurso , mal cobre meia dúzia de delegacias que estão desprovidas de material humano pra trabalhar. No interior o caos se estalou há anos, pois a maioria das delegacias trabalham com apenas um;);UUUUUUM; policial por plantão para investigar cuidar de preso e atender ao público
 
sandro marques em 29/01/2014 11:51:26
wilson jose alves em 29/01/2014 11:34:09. Se você não é civilizado o suficiente para respeitar a POLÍCIA, respeite pelo menos a família enlutada do colega.
 
Jorge Mandovinni Santos em 29/01/2014 11:50:14
Interessante, quando roubam nossas casas, eles não vão lá fazer investigação, mas se é coisa grande, de grã-fino, montam até operação. E que operação hein?
 
wilson jose alves em 29/01/2014 11:34:09
Melhor notícia seria possível se a Polícia Civil tivesse passado essa captura à CIGCOE... tenho certeza que pelo menos esse covarde que atirou no Policial, teria tido outro destino, diga-se de passagem, bem mais aceito por nós pessoas de bem. Esses marginais (é sabido) serão tratados como reis nos presídios e o judiciário? Nem tomará conhecimento dos fatos, afinal, esta mais preocupado em como gastar a bagatela que o sistema destina para suas “festas e eventos”.
 
Maikon Dias Miranda em 29/01/2014 10:39:08
Parabéns aos policiais pela rapidez na identificação e prisão dos suspeitos. Só gostaria de lembrar que se em TODOS os crimes contra a vida, a Polícia demonstrasse essa EFICIÊNCIA e essa CELERIDADE, em um ano os índices de homicídios cairiam para MENOS DE 10% (dez por cento) das taxas atuais. Por quê não é sempre assim, com essa rapidez e eficiência?
 
Adriano Roberto dos Santos em 29/01/2014 09:26:04
Se mataram um por quê não mataram os dois? Estranho demais isso, heim! O policial que estava dentro da casa estava em situação pior, ou seja, à mercê dos bandidos; e sobreviveu?
 
Helena Mara em 29/01/2014 09:12:42
Sentimentos aos familiares... mas vamos à questão:
....“Infelizmente foi azar da dupla, estavam em um ambiente com muita gente, com pouco efetivo”....
Era operação OFICIAL (investigação)??? PQ estavam em veículo particular e sem cobertura???

 
Ricardo Piazza em 29/01/2014 09:10:33
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions