A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 23 de Setembro de 2018

20/12/2017 14:43

Por R$ 400, homem aceita guardar droga em casa e acaba preso

Suspeito afirmou que estava passando por dificuldades financeiras e precisava do dinheiro

Geisy Garnes e Bruna Kaspary
Foram apreendidos 71 tabletes de maconha (Foto: Paulo Francis)Foram apreendidos 71 tabletes de maconha (Foto: Paulo Francis)

Alessandro Lescano, de 31 anos, foi preso na manhã desta de quarta-feira (2) com 71 tabletes de maconha em um condomínio no Jardim Canguru, em Campo Grande. A droga, pouco mais de 67 quilos, estava no quarto do suspeito, que confessou ter guardado a droga em troca de R$ 400.

Denúncias anônimas levaram a polícia a casa de Alessandro. As informações enviadas a polícia relataram que o suspeito guardava uma grande quantidade de droga em casa. O local passou a ser monitorado pelos investigadores na noite desta terça-feira (19) e nesta manhã as equipes abordaram o morador.

Segundo o delegado Gustavo Ferrari, da Denar (Delegacia Especializada de Repressão ao Narcotráfico), os policiais literalmente bateram na porta do suspeito e foram recebidos por ele, que ao se deparar com os investigadores começou a confessar o crime.

Delegado Gustavo Ferrari (Foto: Paulo Francis)Delegado Gustavo Ferrari (Foto: Paulo Francis)

Lescano afirmou que a droga estava em seu quarto e que por conta disso estava dormindo na sala. Na delegacia, ele alegou ainda que passava por problemas financeiros e por isso aceitou a proposta para guardar os tabletes de maconha. “Ele contou que conheceu uma pessoa em uma conveniência e ela ofereceu R$ 400 para ele guardar umas coisas”, lembrou o delegado.

Como parte do combinado, Lescano diz ter entregue a chave a casa para o desconhecido e por isso não viu quando a droga foi descarregada. “Ele só se surpreendeu com a quantidade da droga. Ele receberia para guardar 4 quilos da droga e se surpreendeu”, explicou Ferrari.

Para a polícia, o suspeito contou ainda que tentou devolver a maconha, mas não conseguiu contato com o suposto distribuidor. Lescano foi preso em flagrante por tráfico de drogas e já possuía passagem por roubo, do ano de 2009.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions