A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

12/03/2013 20:22

Prefeito e superintendente da Caixa se reúnem para planejar entrega de moradias

Nyelder Rodrigues e Helton Verão
Superintendente da Caixa conversou também sobre o PAC Mobilidade Urbana (Foto: Marcos Erminio)Superintendente da Caixa conversou também sobre o PAC Mobilidade Urbana (Foto: Marcos Erminio)

O prefeito de Campo Grande, Alcides Bernal, e o superintendente regional da Caixa Econômica Federal em Mato Grosso do Sul, Paulo Antunes de Siqueira, se reuniram nesta terça-feira (12) para discutir questões relativas ao programa federal Minha Casa Minha Vida.

De acordo com Siqueira, o encontro é rotineiro, e serviu para planejar a entrada das 6 mil casas, distribuídas em 15 residenciais, que será feita em breve na Capital. Ao todo, foram gastos R$ 448 milhões nas obras.

“Os critérios da Caixa para selecionar as famílias que serão contempladas morar em área de risco, famílias chefiadas por mulheres, ou com renda inferior a R$ 1,6 mil”, contou o superintendente, acrescentando que a Prefeitura pode utilizar mais critérios para a seleção.

Além disso, eles conversaram sobre o PAC Mobilidade Urbana, mas os assuntos ainda não foram bem desenvolvidos, e precisa de mais definições e encaminhamentos oficiais.

Essa foi a quarta reunião entre Siqueira e Bernal. As duas primeiras aconteceram ainda antes da posse. Segundo Siqueira, eles conversaram sobre os possíveis locais para construir novos residenciais do Minha Casa Minha Vida, que ainda não foram definidos.

Cada moradia do programa federal conta com investimento de R$ 60 mil por parte da Caixa Econômica, ficando para a Prefeitura a função de fornecer a isenção de tributos.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions