A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

18/10/2012 16:37

Produtor rural de 74 anos é preso 7 meses após atirar na esposa

À Polícia Civil, idoso disse que disparos foram acidentais, durante briga por patrimônio

Nadyenka Castro e Helton Verão

O produtor rural João Antunes Shimidt, 74 anos, foi preso na quarta-feira (17), sete meses após atirar na esposa, Loeci Antonia Machado, 52 anos, em Campo Grande.

De acordo com a Deam (Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher), o crime aconteceu no dia 21 de março, na residência onde o casal morava, e foi João Antunes quem procurou a Polícia Civil para falar sobre o ocorrido.

Na versão do fazendeiro, ele e a mulher discutiam sobre patrimônio, quando, em um determinado momento, ela pegou arma de fogo, os dois brigaram, ele conseguiu desarmá-la e houve os disparos. Segundo João Antunes, foram dois tiros acidentais: um atingiu o olho esquerdo dela e o outro o braço.

Após a situação, o produtor rural ligou para um dos filhos, disse que havia brigado com a esposa e que era para ir até lá. Em seguida, foi para a Deam, acompanhado de advogado.

Ao chegar em casa, o filho encontrou a mãe ferida e a encaminhou para atendimento médico. Loeci ficou internada por vários dias em estado grave.  Ela deve que retirar o globo ocular e ainda não voltou a falar normalmente, por causa disso, ainda não foi ouvida pela Polícia Civil.

Conforme a delegada Rozely Molina, no dia 21 de setembro foi pedida à Justiça a prisão preventiva de João, sendo decretada no dia 16. Um dia depois, nessa quarta-feira pela manhã, ele foi preso.

O produtor rural estava no apartamento onde mora desde que brigou com Loeci. Desde a briga, ele não retornou mais para a casa e nem teve contato com a vítima. 



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions