A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

06/01/2015 15:29

ProntoMed fecha e pacientes vão ter que enfrentar filas em outros hospitais

Vania Galceran
Pacientes de emergência devem ficar atentos, a partir do dia 12 de janeiro o ProntoMed estará fechado. (Foto: Marcos Ermínio)Pacientes de emergência devem ficar atentos, a partir do dia 12 de janeiro o ProntoMed estará fechado. (Foto: Marcos Ermínio)

O ProntoMed da Santa Casa de Campo Grande fecha a partir de segunda-feira , dia 12 de janeiro. O motivo são as obras de reforma e adequação que irão custar cerca de R$800 mil e devem ser finalizadas em até 90 dias. A previsão inicial era de que às obras durassem 120 dias, no entanto esse prazo foi encurtado.

Segundo o diretor-presidente da ABCG (Associação Beneficente de Campo Grande), mantenedora da Santa Casa, Wilson Teslenco, toda a estrutura da unidade será reformada, e algumas salas irão passar por adequações e ampliações. Segundo ele, a medida foi tida como “emergencial” pelo fato da unidade estar em “péssimas condições”.

“Precisamos fazer isso porque às instalações já estavam oferecendo riscos. E também pelo fato de podermos arrumar a estrutura e aumentar o fluxo de atendimento”, disse.

De acordo com Teslenco, após a reforma, à estimativa é de que haja um aumento de 50% no fluxo de atendimento. Atualmente o pronto-socorro responsável pelo atendimento de urgência e emergência adulto e infantil de pacientes conveniados e particulares atende em média 4,5 mil pacientes por mês.

“Vamos melhorar à estrutura e consequentemente podermos atender melhor os pacientes. Além disso podermos atender em maior escala também e o número de pacientes atendidos pode dobrar”, afirmou.

Sobre o fechamento que ocorre no dia 12 de janeiro, Teslenco voltou a dizer ser um “mal necessário” e não espera “prejuízos”. Segundo ele, as operadoras de plano de saúde conveniadas, o Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência), Corpo de Bombeiros e ambulâncias particulares já foram notificadas.

A CASSEMS informou em nota que em virtude da interrupção do atendimento para reforma do Prontomed os beneficiários, que precisarem do serviço de pronto atendimento, devem procurar à Rede Credenciada nos seguintes locais:  Hospital El Kadri, Hospital do Coração (Clínica Campo Grande), Hospital Adventista do Pênfigo, Pape (Pronto Atendimento Pediátrico do IMPCG – Instituto Municipal de Previdência de Campo Grande) e o Hospital Infantil São Lucas.

 A Unimed esclareceu, também através de nota que, para cirurgias eletivas (agendadas previamente, fora de urgência), a estrutura de atendimento será mantida e beneficiários não serão afetados pela situação. Nos casos de urgência e emergência, a Unimed Campo Grande vai direcionar o atendimento para outros hospitais credenciados, conforme a necessidade do paciente.

Já está estabelecido inclusive que, pacientes com necessidades urgentes e/ou emergenciais ortopédicas, serão encaminhados para o Hospital Adventista do Pênfigo e, o atendimento infantil será realizado pelo Hospital da Criança e Hospital Infantil São Lucas.

Para Maria Cecília Marcondes, 37, que tem dois filhos pequenos, o fechamento do Prontomed, ainda que para reforma vai ser um grande problema para a família, que tem dificuldades frequentes em encontrar pediatras. " Seremos encaminhados para o São Lucas ou Hospital da Criança, e são horas e horas de espera. Infelizmente nós pais sofremos muito com a falta de pediatras e principalmente de lugares que nos atendam sem precisar esperar em uma emergencia por 4 , 5 e até 6 horas, como já aconteceu comigo", afirma a mãe.

O prontomed é uma das portas de entrada de urgência e emergência da Santa Casa destinada a particulares e conveniados.

 



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions