ACOMPANHE-NOS    
AGOSTO, SEXTA  14    CAMPO GRANDE 29º

Capital

Quatro são capturados por roubos de joias no Carandá e Giocondo Orsi

Polícia Militar do Nova Lima identificou os envolvidos e recuperou parte do que foi levado de 2 residências

Por Lucia Morel e Bruna Marques | 09/07/2020 16:36
Parte das jóias foi recuperada. (Foto: Divulgação PM)
Parte das jóias foi recuperada. (Foto: Divulgação PM)

Responsáveis por roubo de joias em casas na região do Carandá e do Giocondo Orsi nesta semana foram capturados pela Polícia Militar no fim da manhã de hoje. Três adultos e um adolescente foram encaminhados para a Derf (Delegacia Especializada de Roubos e Furtos).

Em diligências no Nova Lima, policiais militares do batalhão do bairro bem como a Força Tática, identificaram três rapazes em atitudes suspeitas e quando abordados foram identificados como os autores dos dois crimes. O adolescente foi capturado em diligências.

João Victor, Gustavo Henrique, Jhon Peter e o menor de idade atuavam juntos, e em ambas as ocorrências utilizaram um Ford Ka modelo antigo para fazerem os roubos. Parte das jóias roubadas nas duas casas foram recuperadas, entre elas brincos, pulseiras, anéis e relógios.

Na residência do Carandá, estima-se que o valor roubado em joias tenha sido de R$ 25 mil e no Giocondo Orsi, R$ 13 mil, totalizando pelo menos R$ 38 mil. Com o quarteto, a polícia e encontrou ainda certa quantia em dinheiro, total de R$ 800. Três celulares também foram apreendidos.

Conforme a PM do Nova Lima, os três maiores de idade estavam em um Gol branco quando foram vistos pelos policiais e apresentaram nervosismo. Na abordagem, foi encontrado dentro do carro um saco com joias e uma porção de maconha. Diante do fato, eles confessaram o roubo no Carandá.

Depois disso, um dos rapazes informou sobre uma residência no bairro Nova Serrana, onde estava o adolescente e onde os policiais encontraram mais joias. O Ford Ka usado nos crimes ainda não foi encontrado.

A ação dos ladrões foi flagrada pelas câmaras de segurança e no Carandá durou apenas 1 minuto. Veja: