ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
JUNHO, TERÇA  18    CAMPO GRANDE 28º

Capital

Réu por matar rapaz carbonizado é condenado a 10 anos

Mikael Douglas foi encontrado com as mãos algemadas para trás, sem roupas e com marca de tiro no ombro

Por Ana Paula Chuva | 23/04/2024 13:19
Victor Hugo durante julgamento nesta terça-feira em Campo Grande (Foto: Geniffer Valeriano)
Victor Hugo durante julgamento nesta terça-feira em Campo Grande (Foto: Geniffer Valeriano)

Victor Hugo de Matos Rech, 24 anos, foi condenado a dez anos de prisão por matar Mikael Douglas Sobrinho. O crime aconteceu em outubro de 2022 e a vítima foi encontrada na Rua Marques de Herval, Bairro Nova Lima, em Campo Grande, carbonizada com as mãos algemadas para trás, sem roupas e uma marca de tiro no ombro. O julgamento do acusado aconteceu nesta terça-feira (23).

Durante o julgamento, o réu chegou a alegar que matou Mikael por vingança. Em depoimento, ele afirmou que a vítima havia estuprado uma menina de 3 anos em 2015 e a criança era filha de um colega do autor.

Mikael foi encontrado morto na manhã do dia 5 de outubro de 2022. Na ocasião, a polícia suspeitava que a execução estivesse relacionada a julgamento clandestino em “tribunal do crime”. Victor foi preso em novembro daquele mesmo ano e disse ter matado a vítima asfixiada e em seguida ateou fogo enquanto o rapaz ainda estava vivo.

Hoje, Victor sentou no banco dos réus da 1ª Vara do Tribunal do Júri e acabou sendo condenado pelo Conselho de Sentença por homicídio doloso privilegiado qualificado por recurso que dificultou a defesa da vítima. A sentença de dez anos em regime fechado é assinada pelo juiz Carlos Alberto Garcete de Almeida.

Receba as principais notícias do Estado pelo Whats. Clique aqui para acessar o canal do Campo Grande News e siga nossas redes sociais.

Nos siga no Google Notícias