A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

09/12/2012 09:30

Reunião de catadores tem confusão, tiros e um deles preso

Ninguém ficou ferido, mas, segundo a PM, marcas ficaram em paredes e árvores

Nadyenka Castro

O catador de material reciclável Alessandro Ferreira da Silva, 34 anos, foi preso na madrugada deste domingo, em Campo Grande, após disparar diversos tiros em pessoas que participavam de uma reunião sobre o trabalho de recolher materiais recicláveis.

De acordo com a PM (Polícia Militar), Alessandro participava de reunião na noite desse sábado em que era discutido a liderança da cooperativa dos catadores de recicláveis. Durante a conversa, houve discussão e ele foi embora.

O catador voltou minutos depois e fez diversos disparos com uma pistola 9 milímetros, segundo a PM. Ninguém foi atingido pelos tiros, mas marcas ficaram em paredes e árvores.

A situação foi denunciada à PM por três pessoas que participavam da reunião e por volta das 2h30min, Alessandro foi preso na casa dele, no residencial Pedro Teruel Filho, que fica no bairro Dom Antônio Barbosa. Na residência, policiais do 10º Batalhão encontraram munições de diversos calibres e uma espingarda calibre 12.

Alessandro foi autuado em flagrante pelos crimes de porte ilegal de arma de fogo e tentativa de homicídio.

Outro preso- Também foi preso por porte ilegal de arma de fogo Tiago Espíndola Franco, 26 anos. Ele foi preso na casa dele, na região do Jardim Marajoara, com munições escondidas no bolso e revólver calibre 38 atrás do guarda-roupa.

Tiago tinha um ferimento por tiro em um dos pés. Lesão que, segundo a PM, ele disse que aconteceu há dois dias e deu duas explicações: a primeira de que foi tentativa de assalto e a segunda que foi resultado de uma briga com desafetos.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions