A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

27/08/2014 13:19

Saúde da Família amplia em 11,3% o número de pessoas atendidas

Aline dos Santos e Kleber Clajus
Prefeito e familiares de Paulo Coelho Machado inauguraram hoje unidade para atender oito mil pessoas (Foto: Marcelo Calazans)Prefeito e familiares de Paulo Coelho Machado inauguraram hoje unidade para atender oito mil pessoas (Foto: Marcelo Calazans)

A Prefeitura de Campo Grande prevê ampliar em 11,3% o atendimento de UBSFs (Unidades Básicas de Saúde da Família) com cinco novas unidades entregues até novembro. Nesta quarta-feira (27), foi inaugurada a primeira delas no bairro Paulo Coelho Machado. Com a expansão, a cobertura de atendimento passará de 38% (316,1 mil pessoas) para 42,32%  da população (352,1 mil, no total), ao agregar mais 36 mil pessoas.

No Paulo Coelho, o investimento foi de R$ 1,1 milhão para substituição de edificação adaptada que funcionava desde 2004. “Nem o médico tinha lugar para atender, era difícil até marcar consultas”, afirma a operadora de telemarketing Kátia Maria Gomes, 40 anos. Ela mora no bairro desde 2003 e, mãe de cinco filhos, com idades entre 2 e 16 anos, recorre com frequência ao serviço.

De acordo com a Sesau (Secretaria Municipal de Saúde), são 91 equipes e 35 unidade de Saúde da Família em operação. Na próxima sexta-feira (29), será inaugurada a unidade da Vila Fernanda e para novembro estão previstas entregas nos bairros Oliveira, Azaléia e Sírio Libanês.

Segundo o prefeito Gilmar Olarte (PP), o objetivo é investir o máximo possível na prevenção das doenças. “Novos recursos federais estão em negociação para assegurarem maior resolutividade no atendimento e reduzir o fluxo de pacientes para urgência e emergência”, declarou.

O secretário municipal de Saúde, Jamal Salém, ressaltou que quando assumiu, em março deste ano, 60% da saúde estava defasada. Ainda de acordo com ele, mais duas equipes vão atuar na região do Paulo Coelho, após a conclusão de residenciais da Homex. Atualmente, são duas equipes.

A coordenadora do serviço de estratégia de Saúde da Família e agentes comunitários da Sesau, Elivane Sandim, explicou que a equipe multiprofissional melhora o acesso ao serviço de saúde ao se trabalhar a prevenção.

Cada equipe é composta por médico, enfermeiro, agente comunitário de saúde, dentista, auxiliar de saúde bucal e assistente social. A UBSF do Paulo Coelho funcionará das 7h às 11h e das 13h às 17h, com meta de atender oito mil pessoas.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions