A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 22 de Outubro de 2019

15/03/2013 19:28

Secretário de Saúde abre sindicância para apurar irregularidades em frota

Gabriel Neris e Viviane Oliveira
Ambulâncias do Samu foram encontradas paradas em oficinas de Campo Grande (Foto: João Garrigó)Ambulâncias do Samu foram encontradas paradas em oficinas de Campo Grande (Foto: João Garrigó)

O secretário municipal de saúde Ivandro Fonseca realizou vistoria em duas oficinas de Campo Grande para averiguar a situação de diversos veículos que estão parados. A visita surpreendeu os mecânicos. De acordo com a Prefeitura, o secretário abriu sindicância para apurar possíveis irregularidades na frota.

O dono de uma oficina localizada na avenida Ernesto Geisel, na região central, contou que o secretário apareceu repentinamente com uma filmadora. Ivandro pediu um relatório sobre os veículos e o valor do conserto de cada viatura.

Nesta oficina mecânica estava uma grande quantidade de veículos pertencentes à Sesau. O dono da oficina, que preferiu não se identificar, disse que é responsável pela manutenção de pequenos veículos da Prefeitura. De acordo com a assessoria da Prefeitura, o número de veículos passa de 70.

Ele afirma que os reparos são realizados desde o ano passado, porém não recebe pelo serviço prestado desde o mês de janeiro, após a posse da nova administração municipal.

O rapaz contou ainda que veículos já foram devolvidos para rodar, mas também não houve pagamento. “A administração deste ano não está pagando”, esbraveja.

Ivandro Fonseca passou por outra oficina localizada na Vila Progresso. Nela foram encontradas pelo menos 10 viaturas paradas do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência).

Um funcionário da oficina, que também preferiu não se identificar, contou que sete das 10 viaturas chegaram à mecânica com pane no motor. Todas tiveram que ser transportadas por guincho. Outras três viaturas do Samu também chegaram com problemas no motor.

O mecânico revelou que o orçamento não foi aprovado pelo município e aguarda a liberação para fazer o conserto. O custo da reforma não foi revelado.

Questionado, o secretário de saúde se limitou a dizer que “na próxima segunda e terça-feira haverá visitação em outras oficinas”.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions