ACOMPANHE-NOS    
OUTUBRO, SEGUNDA  19    CAMPO GRANDE 30º

Capital

Sem movimento, Parque Ayrton Senna fecha triagem para covid

Prefeitura informou todos os locais onde população pode encontrar os testes

Por Paula Maciulevicius Brasil e Bruna Marques | 30/09/2020 11:07
Polo será desativado às 12h de hoje. (Foto: Henrique Kawaminami)
Polo será desativado às 12h de hoje. (Foto: Henrique Kawaminami)

A movimentação era pequena na manhã de hoje, último dia de funcionamento do polo da covid-19 no Parque Ayrton Senna, no bairro Aero Rancho, em Campo Grande. Depois de quase seis meses de portas abertas e 35 mil atendimentos, as atividades serão encerradas às 12h, devido ao baixo número de casos de coronavírus na Capital.

Diarista, Lucinei Jesus, de 50 anos, foi acompanhada do genro até o polo. Moradora do Jardim Tarumã, ela relata que fez o teste na sexta-feira e foi buscar o resultado hoje, que deu negativo. "Eu já sabia que era o último dia, vi no jornal", diz. Os sintomas que a diarista teve foi nariz entupido, dores de cabeça e pelo corpo. "Como tenho rinite alérgica e preciso ir no posto de saúde, tinha que levar o resultado do exame", fala.

Para Lucinei, atendimento foi ótimo e só rendeu elogios. (Foto: Henrique Kawaminami)
Para Lucinei, atendimento foi ótimo e só rendeu elogios. (Foto: Henrique Kawaminami)

Quanto ao atendimento, só elogios. "Para mim, foi ótimo. Gostei bastante. E eles falaram que vai continuar nas unidades básicas de saúde, caso a gente precise", encerra Lucinei.

Os 35 mil atendimentos contabilizados só ali no parque envolvem consultas, realização de testes rápidos e coletas de material para a realização de exames microbiológicos para detecção da doença.

A estrutura montada começou a funcionar no dia 10 de abril, para reduzir o fluxo de pacientes com sintomas respiratórios nos postos de saúde da Capital. Com capacidade de atender até 800 pessoas no mesmo momento, no pico da doença, segundo informações da Prefeitura Municipal de Campo Grande, o polo chegou a atender 580 pacientes, já no último domingo, durante todo o dia, apenas 55 pessoas passaram pelo local.

Polo chegou a ter 520 pessoas no mesmo horário nos dias de pico e hoje não tinha movimentação. (Foto: Henrique Kawaminami)
Polo chegou a ter 520 pessoas no mesmo horário nos dias de pico e hoje não tinha movimentação. (Foto: Henrique Kawaminami)

O fechamento já vinha sendo amplamente divulgado e foi uma medida adotada diante da queda do número de casos. A estratégia da Sesau (Secretaria Municipal de Saúde) foi então redistribuir testes em outros pontos que seguem atendendo.

Operadora de Caixa, Elisabete Novaes, de 48 anos, veio do Santa Emília nesta manhã para retirar o resultado de exame. "Eu vi que na internet e também me falaram que era o último dia aqui, mas já me orientaram que os postos vão continuar atendendo, então não tem problema de fechar", acredita.

Pontos de testes - Para testes rápidos, a Prefeitura informou que as 71 unidades de saúde estão, desde o fim de julho, realizando o exame para evitar que pacientes contaminados pelo vírus circulem pela cidade, podendo infectar outras pessoas.

Elizabete fala que com tantos postos oferecendo o teste, o polo do Ayrton Senna pode fechar que a população será atendida. (Foto: Henrique Kawaminami)
Elizabete fala que com tantos postos oferecendo o teste, o polo do Ayrton Senna pode fechar que a população será atendida. (Foto: Henrique Kawaminami)

Já a colega de swab - exame considerado padrão ouro na detecção da doença - foi disponibilizado em postos de saúde considerados estratégicos nas USBFs (Unidades de Saúde da Família) dos bairros: Batistão, Parque do Sol, 26 de Agosto, Tiradentes, Dona Neta, Moreninha, Vila Nasser, Oliveira, Nova Bahia, São Francisco, Aero Itália e Albino Coimbra.

Quem ainda apresentar sintomas da doença deve procurar a unidade de saúde mais próxima de sua casa para receber atendimento e se necessário, fazer o teste rápido ou ser encaminhado para a coleta de swab.

Além das 12 unidades de saúde, o exame também é coletado no Drive-in dos Bombeiros, localizado na Rua 14 de Julho esquina com a Rua 7 de Setembro, e na Escola Estadual Lúcia Martins Coelho, na Rua Bahia, além dos Centros Regionais de Saúde.

Homenagem às vítimas - Quanto ao memorial proposto pela Sesau (Secretaria Municipal de Saúde Pública) à Prefeitura para homenagear as vítimas da covid-19 no Parque Ayrton Senna, a assessoria de imprensa da Prefeitura se limitou a dizer que o projeto ainda precisa ser aprovado e que por envolver custos, não deve ser entregue de imediato.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário