ACOMPANHE-NOS    
JULHO, SEGUNDA  26    CAMPO GRANDE 31º

Capital

Sesau garante que até o fim da manhã não terá paciente intubado esperando em UPA

Secretário José Mauro diz que até o fim da manhã todos os cinco pacientes intubados em UPA estarão acomodados

Por Paula Maciulevicius Brasil e Caroline Maldonado | 24/06/2021 10:34
Titular da Sesau, José Mauro Filho garante que no mapa de internados com covid nas UPA's que estão intubados, todos serão transferidos para hospitais. (Foto: Divulgação)
Titular da Sesau, José Mauro Filho garante que no mapa de internados com covid nas UPA's que estão intubados, todos serão transferidos para hospitais. (Foto: Divulgação)

Depois que a Prefeitura abriu 10 novos leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva) no Hospital El Kadri, em Campo Grande, a expectativa da Sesau (Secretaria Municipal de Saúde) é de zerar até o final da manhã o número de pacientes intubados em UPA's que aguardam vaga de UTI.

Na manhã de hoje, durante inauguração do drive-thru da UCDB, o titular da Saúde no Município, secretário José Mauro Filho, explicou que no mapa da regulação, havia cinco pacientes internados em tratamento de UPA intubados, três deles já com vagas garantidas.

"Abrimos mais 10 leitos no El Kadri, então a perspectiva é de que até o fim da manhã já tenhamos todos os pacientes acomodados em hospitais e não em UPA's, mas é importante ressaltar que houve qualificação e que o próprio Ministério da Saúde habilitou o leito de UPA diante do cenário pandêmico", enfatizou.

O secretário disse ainda que as UPA's têm autorização, habilitação e receberam treinamento para serem transformadas em leitos críticos. "Além do Ministério da Saúde permitir que este paciente fique internado e seja tratado, ele também está mandando recursos. A gente precisa entender esse processo, houve ampliação de equipamentos, medicamentos, fisioterapeutas, médicos para que se possa dar a melhor assistência", frisou.

José Mauro também alfinetou que a imprensa não noticia os casos de pacientes que foram internados em UPA's com covid e tiveram alta. Segundo ele, só na semana passada foram 12 pacientes assim.

"Eles estão sendo tratados, estão tendo alta, é importante a gente falar e diminuir um pouco dessa sensação de que o paciente está aguardando leito na UPA, porque o Ministério da saúde entende que ali ele já tem um nível diferente de tratamento, tem toda a estrutura existente num CTI", assegura o secretário.

Foram habilitados cerca de 30 leitos de UPA's para internar pacientes com covid-19 na Capital. De acordo com a Sesau, eles têm respirador, bomba difusão e monitor cardíaco.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário