A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

09/04/2012 16:05

TJ nega liberdade a rapaz que atirou em jovem e juiz manda marcar júri

Nadyenka Castro

A 1ª Turma Criminal negou habeas corpus a Diego Barros Duarte, que tentou matar a ex-namorada do amigo

Diego e Alex vão a júri popular pela tentativa de homicídio contra Ana Cláudia. (Foto: João Garrigó/ Arquivo)Diego e Alex vão a júri popular pela tentativa de homicídio contra Ana Cláudia. (Foto: João Garrigó/ Arquivo)

O TJMS (Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul) negou habeas corpus a Diego Barros Duarte, envolvido na tentativa de homicídio contra Ana Cláudia Rodrigues, de 19 anos, ocorrida em 12 de dezembro de 2010 no bairro José Abrão, em Campo Grande.

Diego teve a liberdade negada, por unanimidade, pelos desembargadores da 1ª Turma Criminal.

Além de Diego, são acusados de envolvimento no crime Samantha Veron de Barros e Alex de Souza Sorrilha. Ela está solta desde março de 2011. O juiz Aluízio Pereira dos Santos, da 2ª Vara do Tribunal do Júri, mandou marcar o júri popular do réu.

Quando foram presos, Diego e Alex negaram o envolvimento de Samantha no crime e assumiram a participação deles.

De acordo com investigações da 2ª Delegacia de Polícia Civil, Diego atirou em Ana Cláudia, a qual foi atingida por três tiros, a mando do ex-namorado dela, Alex.

À imprensa, Alex contou que ligou para Ana Cláudia e marcou um encontro com ela. A jovem foi e então foi recebida por tiros disparados por Diego, que estava junto com Alex. Eles confessaram o crime.

Conforme a Polícia Civil, a dupla foi até o local em um Palio dirigido por Samantha. Ela também é acusada de dar fuga aos jovens.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions