A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 21 de Setembro de 2018

18/06/2018 17:24

Trio acusado de esfaquear irmãos é condenado a dois anos de reclusão

Ministério Público pediu a desclassificação do crime de tentativa de homicídio qualificado para o de lesão corporal de natureza grave

Gabriel Neris

Éliton de Lima Soares, Marcelo Soares de Farias e Robson Silva Soares foram condenados a dois anos de reclusão em regime aberto por crime de lesão corporal grave depois de esfaquearem duas vítimas durante uma briga no Jardim Imá, em Campo Grande. O julgamento foi realizado nesta segunda-feira (18) na 1ª Vara do Tribunal do Júri de Campo Grande.

De acordo com a denúncia, a tentativa de homicídio ocorreu no dia 16 de março de 2013 na rua Guanabara com a Maceió. Os três esfaquearam e usaram capacete para atingir Joilson Oliveira Nogueira e Anderson Oliveira durante uma briga motivada por vingança.

O Ministério Público Estadual pediu a desclassificação do crime de tentativa de homicídio qualificado para o de lesão corporal de natureza grave.

Segundo a denúncia, dias antes do crime teria ocorrido uma abordagem policial em frente à residência dos acusados e o trio acreditava que as vítimas é quem teriam acionado a polícia.

No dia dos fatos, os acusados estavam em um bar bebendo quando as duas vitimas passaram diversas vezes pelo local. Por conta da situação houveram provocações mútuas entre eles, quando os réus agrediram e esfaquearam os rapazes.

Um terceiro irmão também foi atingido ao tentar separar a briga. Moradores conseguiram impedir que as agressões continuassem e encaminharam eles para a Santa Casa de Campo Grande. Já o trio foi preso.

 

 



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions