A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

06/09/2016 12:23

Troca da iluminação por 9 mil lâmpadas de LED começa pelo Aero Rancho

Aline dos Santos
Taxa da iluminação pública foi suspensa até janeiro. (Foto: Alcides Neto)Taxa da iluminação pública foi suspensa até janeiro. (Foto: Alcides Neto)
Bernal diz que compra foi licitada e empresa terá parte da produção na Capital. (Foto: Marcos Ermínio)Bernal diz que compra foi licitada e empresa terá parte da produção na Capital. (Foto: Marcos Ermínio)

Mais populoso da cidade, o bairro Aero Rancho vai receber 9 mil lâmpadas de LED a partir de quinta-feira (dia 8). A modernização da iluminação pública vem após a suspensão da cobrança da Cosip (Contribuição para o Custeio da Iluminação Pública) e a prefeitura aderir a uma ata de licitação realizada por outra entidade. No caso, a Associação dos Municípios da Bacia do Médio São Francisco, com sede em Minas Gerais.

“A partir de quinta-feira, vou colocar o melhor em termo de iluminação pública pelos bairros mais humilde. Vamos trocar nove mil pontos de lâmpadas amareladas por lâmpadas LED em dois, três dias. Era para começar pelos bairros grã-finos, mas vou começar pelos mais humildes”, afirma o prefeito Alcides Bernal (PP).

Sobre o curto espaço de tempo entre a adesão à licitação, cujo resultado foi tornado público em 31 de agosto, e no dia 2 de setembro já haver contêineres com lâmpadas no pátio da Seintrha (Secretaria de Infraestrutura, Transporte e Habitação), o prefeito afirma que tudo foi licitado e o processo é público. “Foi licitado e vamos começar a fazer a aplicação, isso se os vereadores não atrapalharem”, diz Bernal.

Neste ano, a Câmara Municipal aprovou legislação suspendendo a cobrança da Cosip por seis meses. O Poder Executivo recorreu ao TJ/MS (Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul), que manteve a taxa suspensa até 25 de janeiro.

Milionária – A edição de 31 de agosto do Diário Oficial do município trouxe o extrato de adesão à ata da associação, com valor de R$ 33,8 milhões e fornecimento pela empresa Solar Distribuição e Transmissão Ltda. Segundo Bernal, a empresa de Minas Gerais vai instalar um parque produtivo em Campo Grande e gerar 280 empregos.

Na Capital, a Cosip custeava um sistema obsoleto, deficiente e em que um poste com luminária em formato de estrela consome por mês o equivalente a um imóvel de alto padrão.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions